• gtbogota19 input1 pt

last modified August 21 by facilitfsm


logofsm.jpg

NOTAS Reunião do GT do CI em Bogotá 29 de junho de 19

NOTAS PT - ÍNDICE (S) - RELATOR (es)

Vídeo 1 base de transcrição https://www.facebook.com/CEAAL/videos/2382395638711668/ -

Presente: Vittorio Italia (Comitê FSMSSS) - Chandan Índia (CETRI) Rita Brasil (Comitê Ciranda + FSM2018) Fanny Colombia (Fórum Social DAWN + Panamazon) - Janneth Colômbia (REPEM + Fórum Social Panamazon) –Tiburcio Brasil (Ciranda) - Mauri Brasil (Abong + Comitê FSM2018 + Comitê FSResistencias Porto Alegre) Armando Brasil (Comitê FSMSSS) - Pierre França (Caritas) - Rosa México (Ceaal + Collective proFSM XIV)

Presente online e com participação oportuna: Leo e Hamouda

Por que uma transcrição?

No diálogo, o progresso é feito coletivamente e evolui pessoalmente. Esse é o compromisso do FSM como um processo de intercomunicação: o diálogo sobre a qualidade é o motor, o reator do processo e o dignificador dos participantes. 
Uma discussão seguida de um dia inteiro sobre um objeto complexo como “o processo FSM” entre pessoas que têm alguma experiência em facilitar esse processo é um momento muito privilegiado, onde visões e pensamentos e seus respectivos vocabulários e formulações entram em contato. É muito cedo para chegar a formulações de consenso e, na dinâmica das trocas, é possível detectar sintonizações, diferenças ou mal-entendidos ou que certas palavras têm diferentes significados, etc. Essa identificação ajuda a esclarecer para continuar apoiando juntos nas próximas etapas do diálogo.

$ As notas são enriquecidas com links em azul aa

globe-logo.png PLANEJAR

Links para os 105 parágrafos da transcrição - para navegar

Use o ÍNDICE (lista de termos com os números de parágrafo onde eles aparecem ) ou o PLANO logo abaixo  

Escolha o número do parágrafo que você está procurando  

@ M1 - @ M5 - @ M11 - @ P1 - @ P5 - @ P10 - @ P15 - @ P20 - @ P25 - @ P30 @ @ P35 @ @ @ @ @ @ @ @ @ @ @ @ @@ @ @ - @ P70 - @ P75 - @ P80 - @ P85 - @ P90 - @ P95 - @ P100 - @ P105

NOTAS - ÍNDICE - RELATOR (es)

A / Momentos de APRESENTAÇÃO DO PROFISSIONAL XIV COLETIVA MÉXICO de M1 a M13

  • M1 a M13

B REFLEXÃO EM CADA PONTO T1 a T8 com parágrafos P0 a P105 e com diferenças de intervenções pelo sinal% :

  • @ T1 / Papel do FSM no processo do Fórum. A importância dos eixos temáticos . (Cuide do papel internacional) .T2 / Relançar o sentido político do FSM . P1 a P8 - @ T1.2 / P21 a P32 - @ T1.3 / P45-46- @ T1.4 / P87)
  • @ T3 / Articulação - conexões coletivas, do movimento. § Conecte-se com processos vivos. P33 a P35)
  • @ T4 / Comunicação: divulgação, dinamização do processo, participação, envolvimento. § Estratégia de comunicação efetiva. (Tocou de maneira dispersa)
  • @ T5 / Metodologia: Facilitação , cuide de quem a assume. P36 a P44)
  • @ T6 / Como o processo continua. Recomendações, relativas à definição de datas. § Calendário de tempos políticos . Call, a estratégia para construir o processo FSM XIV (P64 a P78)
    • @ T6 lista de calendário final dos tempos de co-responsabilidade
  • @ T7 / Programação de eventos macro (P79)
  • @ T8 / Logística: Comunicação clara sobre participação física no evento, visto, ( P80-P86) )

C / Diálogo com Hamouda ( P9 a P20)


Projeto de Rede Social D / Debate (P47 a P63)


E / Apoio ao secretariado e às tarefas das entidades membros da CI ( P88 a P94)


Agenda F / Next IC ( P95 a P103 )

  • Lista final de pontos @F

_____________________________________________________________________________________________________ 

0mn Mauri: apresentação do primeiro ponto do México Rosy point panorama global e estamos indo para pontos neste momento temos hamouda talk - diálogo IC - na tarde comunicação tema apresentação Rita e Tiburcio - 

    globe-logo.png Um

    A / 2MN Momentos de apresentação do PROFSM XIV COLETIVA DO MÉXICO de M1 a M12

    $ Apresentação do México veja http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-insumo48


    @ M1 O QUE ACONTECEU DE CI SALVADOR

    • % Rosa: o que fizemos e nossas perspectivas Nós viemos de uma reunião do CI em Salvador, Brasil, Brasil, Portugal, Brasil e México e as possibilidades são investigadas. Após a reunião da CI no México em novembro - a possibilidade de um contexto não-mexicano pode ser favorável para sua realização. Em março no México, uma chamada é lançada - desta vez foi Leo Oscar e Rosa. O que fizemos? 4 reuniões no CDMX, 1 em Guadalajara
    • § Quem participou? Mapeamento Esclarecer o tipo de organizações - 7 membros do CI - editorial Plaza e Valdez estão oferecendo para publicar o programa - 11 sindicatos (também de empregados domésticos) etc ver fotos de entrada48 - alguma análise política ou treinamento - Maioria na Cidade do México e outras partes do país - cleta "llanero solitito" - promotor do fórum social no México - uma figura falecida - 3 cencos organizações de comunicação social - Adrián Aler. Continua a crescer uma montagem informativa será realizada em Chihuahua e Guerrero.

    globe-logo.png

    @ M2 PRO FSM COLETIVOS ELEMENTOS ORGANIZACIONAIS

    • 9mn Metodologia e facilitação -§ Espaço de publicação em openfsm.net pfsm20 http://openfsm.net/projects/pfsm20 (Menu coletivo) formação de comissões, § desenho de espaços temáticos e geográficos Facilitadores estão sendo identificados e não estamos nos registrando para abrir reuniões baseadas em tópicos. Financiamento de projetos em andamento. Comissões Programa cultural e economia solidária, muito nascente.Aguardando confirmação de que: "México Va!", Porque é necessário ter certeza do evento.
    • 13mn Esquema Organizacional - existe um grupo de empurradores, mas ainda não é um comitê. -% Mauri: não tenha esperanças: no FSM salvador 2018, éramos um grupo difícil de 8 pessoas, 15mn. Mauri se levanta para apontar as 4 comissões principais -% Rosa: estamos formando equipe de apoio web - tradução de jovens participação online acampando ainda em fraldas.

    globe-logo.png

    @ M3 ESPAÇOS DE PARTICIPAÇÃO ONLINE PARA O PROCESSO DA PRIMEIRA FASE

    • Espaços de participação online. http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-insumo64/#tematicos Axis “workers” - parceiros no Texas - 8 pessoas se inscreveram online muito interessantes. O México é um país muito grande. Reuniões informativas com o grupo em várias partes do país - Nós tivemos um em Jalisco, vamos fazer em Tijuana. Estados Unidos - como CEAAL, temos contato com a rede nacional de diaristas nos EUA. Há uma forte presença nos EUA. § Há uma página de espaços geográficos . http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-areas-geograficas Nós somos intencionalmente isso. Isso é chamado no sentido planetário
    • 18mn% Pierre: Chandan, saindo desta reunião, você será incluído no grupo wsp que é uma área geográfica da “Ásia do Sul” que vai para o México FSM XIV. A mensagem é "você está incluído" - C
    • % Rosa: a ideia é ir a uma escala planetária Deixe esse movimento começar a se sentir parte da construção do processo - Existem grupos wsp que foram feitos, também para comunicar ao vivo o que está acontecendo e o trabalho em jitsi ( www.jitsi.org ) . Este § Reflete a vontade de ser inclusivo on-line - Estamos aprendendo Estamos alfabetizando nessa lógica.
    • $ Noção de base digital de diálogo e trabalho http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-insumo64/#basedigital
    • Há uma lista de participantes incluídos no processo. § Existe um formulário pronto para se cadastrar para ser um facilitador ou participantes em espaços temáticos ou geográficos aqui dos perfis. http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-participaciones -% Armando: como podemos entrar no nosso trabalho em seguridade social? -% Rosa: Se abrirmos um eixo e você for facilitador e puder mobilizar. Este é o espaço onde há uma forma aqui é onde nos inscrevemos - para nos tornarmos facilitadores ou participantes. Existem os perfis. Quando nos inscrevemos para participar do processo do fórum -
    • Chamdan o que é isso? -% Pierre é um botão "formulário de participação" para ser incluído no processo . % Rita: E "onde" é o botão? -% Pierre: o botão está em www.openfsm.net mais precisamente o espaço http://openfsm.net/projects/pfsm20 e o formulário está no Google.

    $ O desafio de um convite / mobilização mundial http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-insumo64

    globe-logo.png

    @ M4 JITSI ONLINE MEETINGS

    • 22mn: Leo aparece no Jitsi / Skype, está na Áustria. -Pink: Este software é Jitsi, é gratuito e muito fácil de usar. % Mauri: O Jitsi tem capacidade para gerenciar 1000 pessoas? -% Rosa: vamos a 50 [é para reuniões de comitês e para § reuniões auto-organizadas em espaços temáticos e geográficos], tudo é feito para “orçamento zero”.

    $ Lista de reuniões http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-pagina-info-lista-de-encuentros

    globe-logo.png

    @ M5 OUTRAS PROPOSTAS FSM XIV

    • 24mn -% Janneth: não há proposta da Suíça, Brasil, Portugal para o FSM XIV? Apenas o México começou a se preparar? -% Mauri: estamos esperando que o México diga que está pronto. Apenas o México se manifestou, o México vai! No Brasil defendemos o México. -% Armando: várias organizações estão se preparando, esperamos que haja materialidade das propostas -% Mauri: na próxima reunião do CI, que deveria ser em março, e agora em outubro, o CI teria que decidir.

    globe-logo.png

    @ M6 EIXOS E ESPAÇOS TEMÁTICOS

    • 26mn% Rosa: Forma a ser incluída em algum eixo temático como participante ou facilitador. Na parte inferior, os perfis aparecem como uma fase preliminar. § Comissão para o cuidado do processo formado por quem está facilitando os vários espaços temáticos [ideia de mobilização do processo]: http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-ejes-tematicos (listando os facilitadores) - Fanny: nós entramos no eixo do feminismo, DAWN REPEM CEAAL com Ale e Florencia. Rosa: O GAFA do CEFA também virá - Este Leão como primeiro facilitador do espaço de paz e guerra, esse Miguel, por desafios ambientais, a questão da saúde poderia ter seu próprio eixo. -% Mauri vai ter dúvidas - Janneth: questão do extrativismo? - tráfico de mulheres?
    • 28mn% Rita é a entrada livre? - se houver diferentes facilitadores -% Pierre: a comissão de desenvolvimento / mobilização de cuidados / processos http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-comision-cuidado-del-proceso juntamente com os facilitadores dos espaços temáticos. A ideia é criar uma comunidade online de facilitadores -% Fanny: temos que nos inscrever então? % Rosa: Isso mesmo! Alguma autonomia é economizada e os perfis são anonimizados: não há e-mail e telefones expostos, para cuidar de nós, há um número cronológico que se identifica com o nome. Apenas um grupo limitado lida com essa informação. Nós temos uma lista de discussão -% Fanny: Existe um eixo de economia solidária? % Rosa: Sim, eixo 10, economias transformadoras http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-pagina-info-espa-intercom10 -% Rita: quem está no espaço de comunicação e mídia? -% Pierre: Ninguém porque o espaço ainda não foi aberto esperando que ele tenha um facilitador.Você pode vir com facilidade! -% Rita: é internacional? Sim! http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-pagina-info-espa-intercom3

    $ Formulário de inclusão no processo, clique no botão "PARTICIPAR FORM" na página http://openfsm.net/projects/pfsm20

    globe-logo.png

    @ PROJETO M7 E EQUIPE DE APOIO

    • % Rosa 29mn: retomando a apresentação; Em seguida, a gestão de projetos de financiamento, obter fundos para uma equipe de 5 pessoas e, em seguida, dar um nome " equipe de apoio " -% Rita: há dois pontos diferentes na folha - equipe de suporte - e outros orçamentos para mobilização e evento.

    globe-logo.png

    @ M8 TÓPICOS

    • 31mn% Janneth: de volta aos eixos - questão extrativista , -% Rosa: é no eixo territorial que o conteúdo de um tema pode ser explicitado. -% Pierre: A denominação de eixos irá evoluir ao longo do tempo, o número de eixos também não pode ser infinito. Janneth: é sobre pessoasfeminicidas, como se torna visível e o conteúdo que pega mais é dado. -% Mauri: Existem muitas folhas ainda? Rosa está faltando 6 folhas. - Mauri: Tema dos eixos temos que tratá-lo separadamente - Vamos ponto por ponto mais tarde para sistematizar e que o tempo é produtivo com qualidade

    Veja a discussão em P1 a P8 - P21 a P32 - P45-46- P87)

    $ Lista eixos espaços temáticos http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-ejes-tematicos

    globe-logo.png

    @ M9 RELACIONAMENTO COM CI

    • Rosa 34mn: relacionamento com o IC - § precisamos de pessoas que estejam participando proativamente de espaços e comissões de intercomunicação

    globe-logo.png

    @ M10 EVENTO DE ESPAÇOS FÍSICOS

    • Rosa 35mn: Estes são os espaços físicos considerados para o evento - centro da cidade - todos a 3 km um do outro. O atual governo criou um corredor verde na floresta de Chapultepec.Eu tenho aqui um mapa da cidade - levantamento para mostrar os três lugares Tlatelolco onde FSMM foi @@ tomada de 2 a 3 km entre os três lugares- Há uma rota de transporte de fluido e você pode andar 20 min
    • % Armando: -§ Eles estão no coração da cidade e serão muito visíveis . % Rosa: nesta área também há universidades e museus um grande espaço - permite que o processo esteja vivo.

    $ http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-insumo48 plates 16 17 - preliminar agora no comando da comissão de logística que foi formada na oficina de agosto http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-comision -logística

    globe-logo.png

    @ M11 HOMEWORK AQUI PARA MARROCOS

    • Rosa 36mn: O que fazemos daqui para o Marrocos? facilitação do núcleo e participação de 8 e mais. Consolidar comissões e criar novas (logística). Construa a primeira versão da programação macro e planejamento macro por dois anos. Compor texto de chamada para participar.
    • Defina a data do evento: na reunião do CI em 6 de maio, com a participação de 22 membros do CI, janeiro de 2021 foi planejado para 20 anos de fórum http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-reunion-enlinea -ci-6mayo2019 -% Mauri 38mn: dados de Davos seriam os melhores -% Rosa: no México com alguns colegas nós analisamos que em julho de 2021. eleições intermediárias em 21 de julho : governadores e legisladores, é importante janeiro de 2021 [não muito próximo da data das eleições].

    $ Formulação de consenso Reunião de seminário de agosto http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-taller-10y11agosto19/#fechafsmXIV

    • % Rosa: estando em comunicação com o PPM (pão para o mundo) - relacionamento das organizações TTDT 80, Cencos e outros que estamos fazendo está em negociação.
    • % Rosa: Existe um relacionamento com Marcelo Ebrard que estava apoiando o FSMMX em 2008 e 2010, quando no escritório do prefeito da CDMX para conseguir vagas. O dinheiro não nos dará: o governo atual segue uma política de total austeridade. § Talvez possamos ter acesso a voluntários por meio de um programa “Construindo um futuro para jovens ”: é uma política do governo federal que financia jovens por um ano e que nos apóia em tudo o que precisamos.
    • % Rosa: § Estabelecer contatos com fóruns temáticos - Já estamos com a saúde. Consolidar o primeiro grupo de facilitadores dos eixos temáticos e geográficos. Se Chandan for embora de toda a região do sul da Ásia, ele terá que pensar em como o interfone é feito.
    • Desenvolver a participação de espaços temáticos e geográficos e encontros on-line e relacionados ou não com reuniões presenciais que faremos antes do evento FSM XIV. Já estamos planejando um evento de mulheres ou eventos de transformação de economias.
    • % Rosa 41mn: Realizar em diversos lugares § Reuniões informativas para ampliar os espaços de participação - Divulgar informações sobre o processo FSM seus princípios sua história Para fomentar a compreensão e apropriação do FSM, § fizemos uma apresentação “história do FSM” a nós compartilhamos tem sido boa entrada http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-insumo38
    • Pratique “ alfabetização cibernética ” com Jitsi (teleconferências) e web whatsapp (grupos interativos) para que a auto-organização de encontros on-line [a partir de espaços temáticos ou geográficos] se torne a primeira opção
    • Expandir o convite para participar do processo (através da inclusão em espaços de intercomunicação online) e facilitar o processo (tendo tarefas de facilitação no coletivo proFSM e suas comissões) - continuar mapeando as organizações

    $ Base digital para intercomunicação online em comissões e em reuniões auto-organizadas em espaços temáticoshttp://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-insumo63

    $ Workshop para FSM reportar sobre fsm http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-taller-10y11agosto19/#fotofinal

    globe-logo.png

    @ M12 RELAÇÃO COM COMITÉS DE CI E FÓRMULAS TEMÁTICAS

    % Rosa 42mn O que esperamos da CI? - co-responsabilidade. Ter presença ativa do IC online em espaços temáticos e geográficos participativos - realizar reuniões online auto-organizadas para incubar atividades e iniciativas Algo muito importante. Tenha uma lista do IC para saber com quem podemos nos comunicar. Última página sobre o tema da conexão com outros fóruns sociais - Uma foto no final em um dos 20 quartos do segundo dia no FSMsss onde participei - Pierre entre

    43mn (aplausos) - Rosa: Eu passo a apresentação no wsp e aqui no chat em grupo

    $ Apresentação de Bogotá acessível em http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-insumo48

    globe-logo.png Para M13

    A / @ M13 Preparando a lista de pontos a serem discutidos sobre a apresentação no México Voltar ao PLANEJAMENTO

    Mauri: Devemos fazer uma lista de tópicos que vamos falar um por um.

    • Trocar na lista de tópicos para trabalhar
    • Mauri- T1 Papel do FSM XIV nas nossas estratégias internacionais - a partir desta relação com os eixos temáticos, o fórum está inserido no processo internacional que ocorre, não estamos interessados ​​em ser um processo desconectado mas interligado. Com T2 T3 é uma sugestão, certo? Como o fórum conecta articulação, conexão de grupos que existem movimentos, como o fórum se conecta com os processos de vida que estão acontecendo - muito importante o processo proativo de qual assunto estamos propondo
    • Armando: faça recomendações sobre como fazer isso: que em cada evento que ocorre no próximo ano, as pessoas se inscrevam para cada ocasião para se preparar.
    • T4 Mauri: 46mn comunicação tema § Divulgação de comunicação "há um fórum" e revitalização do processo "para o que e como participar" - Envolva as pessoas e como participar (Janneth).
    • Chandan - precisamos de uma estrutura para procurar pessoas (evangelismo) O formato do fórum social não deve mudar.
    • T6 47mn Janneth - nós teríamos que fazer uma recomendação sobre como este processo de § seguirá, como a decisão é tomada . "Vamos - não vamos" em outubro pretendemos validar - decisão Ci - como estamos certos da reunião de outubro que há plano B, se não houver quorum.
    • T6 Mauri: é uma premissa de uma questão de calendário ou de algum modo político.
    • Armando: vamos fazer um conjunto de recomendações para o CI , devemos circulá-las para estabelecer uma linha de decisão para a próxima reunião do CI - ou se levar muito tempo para fazer isso online, não pode continuar assim.
    • T7 Rita: pelos pontos sobre os grandes programas, se planejados grandes eventos que vêm na história do fórum, por exemplo, assembléia mundial de mulheres se for -% Pierre - macroprogramação
    • T8 50mn Chandan: apenas levantando algumas idéias e intervenções, então estamos na mesma página, já que todos vocês têm experiência em organizar fóruns sociais:
      • 1 / a primeira coisa: o lugar - pessoas que vêm de tão longe, problemas de visto, quantos vistos custam quanto custo de hotéis de logística
      • 2 / Estratégias eficazes de comunicação - como as pessoas falam à sua própria facilitação - § É uma má idéia dar acesso a todos e os movimentos locais devem se organizar sobre facilitação, deve ser tomado cuidado àqueles que recebem essa habilidade para facilitar -% Mauri § Tópico de "facilitação" está ao serviço da metodologia -
    • Chandan - mais dois pontos que as pessoas devem possuir estes problemas -3 / alguns deles pressionam para que isso seja feito se houver uma comunicação eficaz § forte estratégia de comunicação facilitação do secretariado -4 / no tipo de mundo no Que nós vivemos Eu não tenho certeza que tantas pessoas entendem - Nós realmente precisamos criar algo, podemos debater, § Podemos ter algumas áreas temáticas ?Todos estão trabalhando em alguns tópicos específicos. Isso pode gerar mais interesse porque as pessoas sentem que haverá problemas que serão ouvidos e tornados visíveis. -5 / Finalmente, § temos uma estrutura ou diagrama sobre como podemos nos conectar com outros colegas ? § Estratégia de perspectiva asiática sobre como alcançar pessoas. Quem tem a responsabilidade. Na Ásia não há associação. Estrutura para a seção de mobilização.
    • Rita: reproduzir o processo em outros países, assim como a estratégia para construir o processo em outras partes além do México (espaços geográficos)
    • $ Lista de 20 espaços geográficos http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-areas-geograficas
    • Mauri: chamada é um momento político do processo - papel do fórum é o primeiro ponto
    • P0 / Armando 56mn - 20 anos de retorno a Davos terão forte impacto simbólico, não há unanimidade no neoliberalismo devemos retomar a agenda para outro mundo mais poderoso - questão concreta, é uma definição mista para a qual este fórum servirá - lembro que Há uma crise no fórum sobre sua utilidade. Este fórum será relançado para construir uma agenda alternativa global: “nos reunimos para afirmar isso ”.
    • Rosa: Eu coloquei em T2 para relançar o sentido político do fórum, um lema. - Armando: forte impacto simbólico 20 anos - não há unanimidade na globalização neoliberal - devemos retomar essa força para dizer que no México vamos nos reunir para consolidar.
    • Mauri: seria o segundo ponto T2 - somos um grupo de trabalho que concordou com a secretaria do IC em São Paulo com Hamouda para discutir vários pontos, um é o FSM no México -

    § Nossas sugestões aqui são endereçadas ao grupo do México e ao CI. Excede-nos .

    • 58mn Chandan: esclarecer esse processo temático vai ajudar na mobilização e nesse formato que começou em Porto Alegre e não deve mudar.Você poderia pensar em slogan , a mensagem que atrairia a imaginação das pessoas.

    globe-logo.png Um final M13

    @ M13 44mn Lista Pontos que são levantados com a apresentação do México: Retornar ao plano

    • T1 / Papel do FSM no processo do Fórum. A importância dos eixos temáticos. (Cuide do papel internacional) .T2 / Relançar o sentido político do FSM. P1 a P8 - P21 a P32 - P45-46- P87)
    • T3 / Articulação - conexões coletivas, do movimento. § Conecte-se com processos vivos . P32 a P33 a P45
    • T4 / Comunicação: divulgação, dinamização do processo, participação, envolvimento. § Estratégia de comunicação efetiva . (jogado de maneira dispersa)
    • T5 / Metodologia: Facilitação, cuidar de quem a assume. (jogado de maneira dispersa)
    • T6 / Como o processo continua. Recomendações, relativas à definição de datas. § Calendário de tempos políticos . Call, a estratégia para construir o processo FSM XIV (P64 a P78)
    • T7 / Macro programação do evento (P79)
    • T8 / Logística: Comunicação clara sobre participação física no evento, visto, ( P80-P86) )

     

    Mauri vamos tentar 20 / 30mn para cada ponto - rodada no papel do fórum T1 do fórum .. Eu vou me registrar.

    globe-logo.png B

    B REFLEXÃO EM CADA PONTO T1 a T8 com parágrafos P0 a P103 e com intervenções diferenciadas em cada parágrafo pelo sinal%:

     

    globe-logo.png T1 e T2 Retornar ao plano

    B / -T1 T2 / 59mn Papel do FSM XIV no processo do Fórum. A importância dos eixos temáticos. (Cuide do papel internacional).

    globe-logo.png P1

    @P 1 / Mauri: 1h01mn Eu acho que o processo do fórum teve dois momentos muito diferentes na história do FSM : a primeira fase 2001-2005 , onde havia uma expectativa muito concreta de construir uma mobilização internacional, uma capacidade de diálogo com o proprietários do sistema, as grandes potências mundiais, de modo que uma agenda de diálogo possa ser estabelecida como uma sociedade civil internacional, com a capacidade de exigir uma mudança dos sistemas políticos. Ele era muito forte nas mentes dos "líderes" do fórum, da possibilidade de uma força internacional. Isso não se materializou. Não por causa do fórum, mas por causa da incapacidade da situação, e nem o sistema tinha interesse em diálogo. E também porque há uma mudança de governos na América Latina, do centro da esquerda para a esquerda, que foram colocados em posição de administrar o sistema capitalista, portanto, com muitas contradições que contaminaram o processo do fórum, a agenda social mundial.Houve muitas contradições.

    Após 2005, o fórum social inicia outro processo, um processo de mobilização de muitos movimentos da base da sociedade, com pouca capacidade de confrontar o sistema, mas com alguma capacidade de mobilizar novos movimentos na lógica da construção do protagonismo. Agora precisamos de ambos os fóruns, o fórum que tem a capacidade de mobilizar a base e que é proposto com algum nível de confronto com o sistema. § A diferença é que, na primeira fase, inicialmente, essa capacidade de enfrentamento estava muito focada em grandes organizações tradicionais, como sindicatos e ONGs, e agora é com movimentos mais horizontais . Há uma metodologia difícil para ter uma capacidade de mobilizar e ao mesmo tempo § definir uma agenda mínima que nos coloca em confronto com o sistema . É por isso que os eixos temáticos são a espinha dorsal do fórum, porque não podemos ter 30 eixos temáticos. Nem tem um eixo para todas as demandas. § Formular questões que tenham a capacidade de adicionar agendas unificadoras . Nesse sentido, abra o debate e tenha em nosso calendário um momento político que poderá ser em maio de 2020 , onde poderemos nos reunir para definir temas e suas dinâmicas com o fórum presencial. O processo já começou, já estamos no fórum social mexicano.

    globe-logo.png P2

    @ P2 / Janneth -Duas coisas:

    1 / Esta reflexão é necessária no CI em termos que devemos propor para especificar estratégias e talvez os pontos sejam os gatilhos desta discussão. Estou pensando no que você estava dizendo Mauri, que são dois cenários. As mudanças nacionais e internacionais ocorrem nos países, é um desafio muito grande para o fórum e é como num espaço como este § definir eixos temáticos que conseguem convocar todos nós para estarmos lá

    2 / Como gerar articulações que podem acompanhar o que acontece em cada país. No caso da Colômbia, as pessoas vão, participam, geram suas relações e retornam a seus países e não acontece muita coisa com aqueles que se conheceram. Assim, devemos procurar estratégias que nos permitam universalizar os movimentos e apostamos em mudanças mais globais. § Acredito que é conseguido a partir de encontrar agendas muito precisas, enfrentando questões que nos ferem em cada país e nos articulam . É um desafio - ser capaz de convocar e não permanecer como um evento justo que nós vamos como outro e não acontece muito. Mas um pequeno grupo que está energizando o mesmo processo, que mobiliza e gera ações mais contundentes em nível nacional e internacionalmente articulado. E também § quais são os cenários internacionais para onde queremos ir e como fórum para chegar a propor influenciar. Chegamos a essa ideia de ser um contra-ataque se quisermos a OMC, o G20.Bem, agora estamos chegando de alguma forma, não sei, teríamos que revisar um pouco estruturalmente a aposta para onde estamos indo com o fórum.

    globe-logo.png P3

    @ P3 / Armando 1h10mn - É um debate muito denso que exige algum tempo para organizar e depois aprofundá-lo. Vamos começar com o seguinte § Acho que nosso problema é construir uma totalidade alternativa, uma hegemonia alternativa da totalidade. O FSM tem que lidar com uma dificuldade: § enfrentar a fragmentação dos mesmos movimentos, que são em grande parte resistentes. Eles resistem o que? para atos, incidência que tem o modelo de hegemonia global, há então os vários movimentos quebrados em sua especificidade e são pouco entre eles: o movimento ambiental dialoga pouco com a seguridade social, que pouco dialoga com questões financeiras etc, logicamente tudo deve articular muito articulou menos energia dependendo de cada um. Há um movimento de mulheres que constroem sua potência a partir da identidade e aí elas têm contribuições de várias esferas dessa totalidade.

    § Para mim, o papel do FSM é justamente ser o espaço de diálogo entre as várias dimensões dessa totalidade . É por isso que é sempre tão difícil mobilizar o processo de convergência / confluência. Portanto, sendo um fórum temático (saúde e seguridade social), minha grande preocupação é que o assunto não seja isolado. Seria muito confortável para nós continuarmos com um fórum de saúde, mas isso não muda, não avançará.Portanto, § no FSMSSS nós expandimos os temas democracia, desenvolvimento da paz etc nesta perspectiva. Não podemos escapar por mim mesmo do desafio que é, pois é encontrar a possibilidade de § propor o espaço do fórum como o espaço que articula e projeta, com A ideia de uma totalidade alternativa .

    § Em relação aos dois caminhos de Mauri, os dois são interdependentes , não adianta apenas a pressão formal sobre os espaços de decisão, se não houver base social. Onde perdemos a guerra até agora é na sociedade civil que é outro poder. Isto é expresso em dificuldades eleitorais, expressa-se na maneira muito fraca de chegar a espaços multilaterais, onde também aqueles que ocupam este espaço são grandes ONGs do norte que acompanham o tempo todo e têm dinheiro para isso. Portanto, temos pouco impacto com uma agenda mais radical. Acredito que devemos entrar para influenciar o processo estratégico, § Acredito que os objetivos do ODS devem ser disputados com uma visão claramente diferente daquela que a hegemonia conservadora projeta sobre o assunto. Temos que desenvolver nossa visão de desenvolvimento que não está contida lá. São duas tarefas. A configuração do fórum como uma espécie de convergência de várias energias, dependerá de 1 / tipo de chamada, para mim deve ser um chamado que permita às pessoas perceberem que pode ser construída uma alternativa de totalidade , e deixar com um agenda global: dizer : "Estes são os pontos centrais que queremos enfrentar".

    A reflexão que fiz no início do nosso fórum do FSMSSS (apresentação do primeiro dia), a culminação de todos esses anos lá, parece ser que temos que dizer o que é a crise, não é crise de capital, mas nossas crises . Temos uma democracia, crise social, ambiental, separaria até mesmo uma crise de guerra e paz, e uma crise do ponto de vista das maneiras pelas quais entendemos o mesmo conceito de desenvolvimento: é uma questão muito forte que pode estar cruzando com os outros e Deve ser explicitado, pois temos que propor uma alternativa econômica e financeira ao sistema de desenvolvimento. Está ligado a este sinalizador de desfinituração.

    Então tem 5 coisas. Se eu pensasse em voz alta, em eixos, pensaria em algo em torno dessas 5 crises e não em 500.000 eixos. § 5 crise: social-democrata, ambiental, negação da paz, e a questão da relação econômica e financeirização .

    globe-logo.png P4

    @ P4 Janneth: para mim eu acredito que há uma forte crise que cruza com todos: § violência de feminicídio -% Armando: Isto está em paz, socialmente, está em tudo - Janneth: mas é tão grande e tão gordo e tão complexo! - -% Armando: não entraremos na competição! -% Janneth não é menos do que as mulheres vivem -% Armando Existem 5 crimes que afetam as pessoas de forma diferente, mais mulheres, verdadeiras, afetam desproporcionalmente os povos indígenas, migrantes, crianças, idosos, desempregados, todos esses são os Crises da humanidade. Há o ponto que eu queria levantar § Existe uma "agenda da humanidade" que temos que compor que refletirá todas as dimensões . Se o fórum não prevê uma agenda integradora da humanidade, uma tentativa de dar visibilidade a tudo isso, não tenho dúvidas de que todas as lutas das mulheres indígenas - todos os grupos humanos afetados podem se expressar fortemente. Isso não é contra o espaço das mulheres. Agora a questão politicamente é como o fórum irá lidar com a organização das definições das nossas crises e como superá-las com uma hegemonia alternativa , é um exercício necessário - se não o fizermos, teremos 30 eixos , a pressão que Cada um reivindicará seu eixo.

    globe-logo.png P5

    @ P5 / Tiburcio 1h19mn- Acredito que as intervenções anteriores foram ricas e concordo com a linha que Mauri colocou. Eu quero falar sobre 3 dimensões especiais: 1 / O fórum do México, pois é um consenso entre nós, será especial contra um novo grupo, tem essa força simbólica de 20 anos. 1 / Nós temos que colocar muito claramente a ambição de que o FSM é uma referência anti-sistêmica democrática global progressiva .

    2 / O processo de construção do fórum no México, como explica Rosa, pode inovar mesmo em relação aos pontos que estamos discutindo. § “ Qual será o papel da FSM que você deve ter em 21 de janeiro”. Esta questão eu acho que deveria ser incluída na forma de convocação , e perguntar a todas as organizações no mundo quais pontos centrais deveriam caracterizar o fórum do México e levar em conta o que Mauri colocou para maio de 2020 que faríamos. Que todas as organizações respondam § apresente seus pontos centrais até maio de 2020 , para que os eixos temáticos ou até mesmo um slogan geral atualizado em relação a outro mundo - em 20 e funcione como uma força mobilizadora muito grande

    3 / O processo do FSM trazendo notícias para janeiro de 2021 deve se concentrar em anti-Davos como a concentração simbólica de 1%, mas deve fazer uma inovação mudando para § reorientação para a ONU. O FSM deve ser colocado não como uma representação, mas como uma expressão da força da sociedade civil mundial que questiona e disputa o poder na ONU , reabrindo o “novo diálogo” que deve ser dado em uma dimensão maior que expresse essa ambição do mundo. FSM como referência para unidade de resistência democrática e alternativa ao sistema -

    globe-logo.png P6

    @ P6 / Pierre: Três elementos -

    1 / sobre a periodização do processo do fórum, olhando as coisas de um ponto mais metodológico: até 2009, que eclodiu a crise financeira, houve uma certa dinâmica que estava muito focada no evento FSM, e que § O CI não chegou, nas reuniões de 2009 2010 em Montreal e no México, para pensar sobre o processo do FSM como um todo. A metodologia ficou estagnada no evento e sob o nível de articulação dos facilitadores dos diferentes processos do fórum. Portanto, estamos na ausência de dinamismo metodológico nos últimos 10 anos até agora. § Esse fórum no México deve ser hora de retomar e superar essa falta de ambição metodológica . § Temos sido muito inativos em metodologia em comparação com os desafios dos tempos -

    $ Methodology space http://openfsm.net/projects/methodology with inputs: Uma proposta lexical metodológica da FSM http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-insumo26

    2 / Se você quiser § pensar no fórum como um processo contra a hegemonia real , quantitativa e qualitativamente também. Pessoalmente, tenho tentado estimular esse debate e a metodologia da atividade. § Desde o início do fórum estamos com as noções de “participantes” e “atividades” , penso que § é importante introduzir a noção de “iniciativas” [descrição da iniciativa do projeto de campanha de luta] junto com as “atividades” [momento de diálogo ] na gestão formal do que acontece no processo, para dar visibilidade às ações dos movimentos participantes. Pode haver diálogo entre essas atividades e iniciativas.

    § Existe a necessidade de um veículo metodológico que permita que a intercomunicação também se concentre em lutas, campanhas, projetos e não apenas diálogos. Diálogos sobre iniciativas são importantes e os diálogos em geral são importantes no nível da educação popular.Se isso não levar a uma articulação estratégica ... Estamos perdendo esse veículo. E está começando um pouco. Aqui a ideia § Introduzir a noção de iniciativa de uma forma importante na metodologia permite mostrar às pessoas que não será o fórum para “conversar” -

    $ Elementos sobre formas de participação Reuniões atividades locais ou centrais, iniciativas http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-insumo60

    3 / sobre a questão temática: o que vemos agora no México é levantar questões - Aqui na tela é uma comparação dos eixos entre 11 eixos em Montreal, 19 eixos em Salvador e simulação no México em construção. http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-insumo33 . § Alcançamos facilmente 17 eixos, mas digo que não é um problema iniciar o processo, as pessoas vêm com seus problemas. E que pode haver (Os 8 eixos que são iniciados até hoje entre os 17. Por enquanto, por exemplo, há um tópico ausente do México agora: lutas internacionais. Então 17 eixos são muito fáceis, e não há saúde que seja incluída em ' direitos ”)

    Temos que acolher as energias participativas e, ao mesmo tempo, conter a proliferação da ideia de que esses espaços não são muito compartimentalizados. Pode haver discussão em maio de 2020, com vistas ao evento, de menos temas (macro-eixos) - § Os tópicos agora são questões nascentes com as quais as pessoas se aproximam, e não necessariamente as do evento. Existe flexibilidade possível. Isso não significa que, ao se aproximar do evento, não haja outro modo de formular. Você tem que ser pragmático e continuar falando. A coisa é começar agora e não se perder na discussão que evita que 20.000 pessoas se envolvam gradualmente, § Existe então a possibilidade de reformular os eixos de processo e os eixos de eventos.

    $ axes / espaços temáticos Formulação e http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-ejes-tematicos população progressiva

    globe-logo.png P7

    @ P7 / Leo 1h30mn (remotamente): saudações de Viena: quero dizer o que Tiburcio disse. Temos que assistir a redes de conteúdo internacionais. Do México, penso que a formulação de articulação de eixos está indo bem Como corresponder esses eixos em outras partes do mundo - Duas propostas -

    1 / § que em cada país existem pessoas que têm contato permanente , já sabendo que realmente colaboram - não só em eventos auto-convocados, mas para articular o ambiente político existente nas diferentes regiões. Se nascemos de um movimento contra as sanções da sociedade civil, Cuba Venezuela, protagoniza neste eixo.

    2 / Uma joint está sendo preparada para conter a reeleição de Trump. Para isso, é importante que houve esforços particulares de colegas que organizaram o fórum social dos EUA para influenciar o fórum social do México.

    3 / conteúdo que afeta particularmente o México e os fóruns nessa região § é a questão dos migrantes . O objetivo seria ver a ligação entre esses movimentos que já existem e o fórum social mundial. De repente, como em Praga há poucos dias, 100.000 pessoas contra o presidente corrupto, seria bom ter um relacionamento conosco e isso não é feito automaticamente. É preciso esforço do México como anfitrião, mas no Conselho Internacional, há uma tarefa organizacional no CI estruturando as plataformas políticas em torno desses eixos , para designar responsabilidades concretas na maioria dos países que podem ser.

    globe-logo.png P8

    @ P8 / Rita –1h35mn: 1 / Proposta de Armando das 5 crises: democracia, economia financeira-desenvolvimento, social, ambiental, guerra-paz.Desenvolvimento / Finanças Existem 5 § A idéia de ter poucos “macro eixos” é muito boa e que esses eixos poderiam ser divididos em outros pontos para trabalhar de forma transversal : algo relacionado à crise social é discutido em um ponto, que também está ligado à crise de desenvolvimento. Então eu posso organizar minhas atividades dentro de um eixo macro e também conectar os pontos dos outros. § Seria uma metodologia para organizar os eixos, para que tivéssemos tudo o que afeta cada eixo e não se limitasse à transversalidade . Se Rita pode esclarecer) Mas isso significa que os 5 não podem abranger duas coisas, talvez sejam: Eu gostaria de discutir isso, § crise civilizacional e crise do próprio sentido da humanidade . Que não mais sentimos o outro ser humano como ser humano, isso é mais sutil e profundo do que compartimentalizar em 5 crises, talvez a crise civilizacional possa cobrir essa questão.

    2 / Outra coisa que não sei como estamos fazendo. Ele está passando pelo desenvolvimento, está conectado com as relações humanas, é a velocidade do evento, com o empoderamento do tecnólogo, é a questão “ mudança total das relações humanas com a tecnologia ”, onde está isso? É o eixo transversal? Como vamos lidar com essa questão? Como você faz parte das outras coisas? É muito fundamental de tudo o que acontece no mundo. Tudo o que tem a ver com a quarta revolução industrial é neste momento, mas também quando a democratização é discutida.Está abaixo, não sei se poderíamos chamar de "crises"!

    A questão tecnológica, mas é uma mudança muito grande que temos que enfrentar. E não é compartilhado? Como vamos, nesta proposta, incluir isso na proposta de 5 crises, o que acho bom? § Não consigo incluir a questão tecnológica. Parece transversal. Há debates que são específicos, eu acho. Tudo o que tem a ver com comunicação é que existe um fórum para essa comunicação de mídia gratuita. § Existe outro fórum que está sendo construído na Internet na Índia, como vamos colocar isso nesses outros eixos? Eu acho que tem seu próprio lugar. Em um eixo macro. É um problema para o Armando.

    $ veja elementos no fórum da internet http://openfsm.net/projects/atsfi e http://internetsocialforum.net/isf/

    Discussão para o diálogo com hamouda

    globe-logo.png C

    C / Diálogo com Hamouda sobre o CONSELHO INTERNACIONAL de Marrocos em outubro. Retornar ao plano

    globe-logo.png P9

    @ P9 / Hamouda 1h40mn - Alguns problemas de saúde, mas não importantes - Mauri: precisamos que você nos dê uma mesa de reunião e secretários - Hamouda 1 CI / § Há dois anos decidimos ter uma reunião com todos os movimentos sociais e fóruns temáticos ter discussão política para o futuro do conselho do FSM . $ quando exatamente? Porto Alegre 2017? http://openfsm.net/projects/ic-extended/ci-portoalegre-201701-notas-21tarde ] Queremos ter essa discussão em Marrocos. O IC expandido aberto a todos que não são, movimentos que não são, que não vêm. A discussão é "O que fazer para o fórum de 20 anos"? que tópicos (interrupção técnica) esta discussão 20 anos de novo FSM temático como trabalhar A proposta desta reunião ampliada do CI é para os africanos, asiáticos e europeus que estão por vir. Ao mesmo tempo, § tem dois dias FSMSSS Mediterrâneo em outubro . Nós estamos olhando para ter dinheiro para convidar mais pessoas

    globe-logo.png P10

    @ P10 Mauri: Alguma data -% Hamouda: da prata, vamos decidir a data entre 10 e 20 de outubro . -% Pierre: Existe um plano B? Porque você está descrevendo um ambiente muito ambicioso. Mas existe um plano B menos ambicioso? Você pode fazer um CI modesto, com um mínimo de legitimidade e isso pode permitir que você tenha uma reunião para avançar no processo do México, mesmo que você não tenha muito dinheiro para atrair pessoas de todo o mundo -% Hamouda: § A ambição é ter conselho aberto, sem IC com 30 40 pessoas do CI dos últimos 5 anos . O objetivo é ter uma reunião com todos os movimentos para discutir o futuro do FSM, não discutir como o IC funciona, ter uma reunião de 30 pessoas para o CI é fácil - você não pode construir o México porque o mundo agora diz algo em francês ... § Será um Conselho aberto .

    globe-logo.png P11

    @ P11 / Armando - Hamouda Acho que temos dificuldade temporária: § é daqui a menos de 3 meses até Outubro e a extensão não terá muitoefeito imediato naquilo que podemos mobilizar. Podemos preservar o foco em um CI de 40 pessoas em menos de 3 meses e depois fazer uma consulta ampliada organizada nas regiões para refletir os interesses dos movimentos -% Rita: Eu concordo com Armando sobre a dificuldade de fazer uma reunião tão ambiciosa se É possível 1 / s § necessário, além de tudo, ter uma reunião de CI à parte, porque tivemos muitas experiências em que todos falaram e nenhuma questão fundamental de processo e aconselhamento foi discutida. Se houver dinheiro, peço a você uma preocupação em reservar o momento da reunião do CI e também priorizar com a prata a participação de membros do conselho internacional e também de organizações importantes para o processo do México. Então, ter o fórum é a hora de conhecer, isso é uma coisa muito importante para que não seja outra reunião, para este encontro há o FSM como um evento . -% Pierre: não repita Monastir 2012-% Rita: O conselho é um facilitador 2 / § A agenda da reunião de Marrocos como será construída? Temos um grupo de apoio para a secretaria de IC no Brasil para participar. A agenda deve ser minimamente participativa para que as questões prioritárias sejam definidas. E também não se esqueça que estamos reindicando que o CI debate uma questão de comunicação e plataforma.

    globe-logo.png P12 P13 P14

    @ P12 / Hamouda: Eu concordo com todos. O problema é como reunir, 20 40 pessoas que são dos movimentos, não podem continuar a mesma maneira de trabalhar. Para a plataforma de comunicação existe um grupo: a plataforma. Há o "comitê de plataforma" com o pierre rita tiburico etc. Não é o conselho de outubro que tem o dinheiro - todos concordam com a plataforma - eu não concordo que o México com boa mobilização internacional com bons temas, essa é a prioridade. Vamos continuar

    @ P13 / Armando: - § a questão é quantos% do CI podem ser autofinanciados ? - não estamos falando de plataforma, estamos falando de “prata”.-% Rita Eu não falo de prata para mobilização. Para fazer a reunião de membros confirmados do IC, há uma parte que pode ser auto-financiada% Hamouda - encontrar movimentos para trabalhar metodologia do México

    @P 14 / Rosy, uma reflexão que pode ser feita por um lado várias coisas. Concordo que devemos tentar priorizar a reunião do CI: os 50 que estamos agora, no Marrocos, para trabalhar os preparativos, tudo o que está pendente e, ao mesmo tempo, estratégico, se esse espaço convocar ou recair o fórum com os movimentos sociais em janeiro de 2021. O chamado aos Movimentos Sociais, na cara de 2021, convida-os para esta reunião. Mas § Priorizar que somos como CI - Pergunte quem pode autofinanciar o bilhete ou uma parte e saber qual é a seção de financiamento que é necessária.Eu veria assim, aqui temos reflexões sobre os eixos e acho que tem tarefas

    globe-logo.png P15 P16

    @ P15 / Vittorio - duas coisas 1 / muito importante para organizar CI perto FSMSSS Mediterrâneo data 20 de outubro ok não antes no verão na Europa nada pode ser feito 2 / Concordo muito com sua proposta de IC estendida, acho que § não Há uma contradição entre a reunião da CI e a reunião ampliada com representantes de movimentos fortes. Precisamos de uma nova história de FSM - envolvendo grandes organizações que estão fora ou à margem do fórum - não está em contradição; Algumas pessoas do CI são importantes para a memória, mas não associadas a movimentos fortes. Aberto a representantes de organizações fortes.

    @ P16 / Pierre: Muitas vozes se expressaram para dizer que há um processo no México que está sendo desenvolvido, e que § o processo é onde um convite descentralizado para muitas redes pode ser feito , e que é importante que a capacidade de facilitação do processo está em uma reunião

    e dar luz verde ao processo do México, porque se não houver, qualquer grande encontro não levará a muitas coisas. Temos que garantir o processo para o México. Você trabalha em um plano “B”, onde é limitado ao IC reduzido, mas e se for seguro? Ou eles estão apenas trabalhando em outra coisa? Lembro-me da reunião de Monastir em 2012 ou Salvador em outubro de 2017, onde § o CI está imerso em um grupo de pessoas que não conhecem necessariamente o processo do CI, ou mesmo o FSM, e não podem trabalhar como tal [dando tempo de discussão de qualidade a pontos para avaliar] , eu prefiro um IC clássico que conhece suas tarefas. Minha pergunta é: § Logisticamente, você está no Marrocos capaz de sediar uma reunião clássica do CI? Sim ou não? O outro vem em complemento.

    $ [Talvez http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-reunion-enlinea-ci-6mayo2019 
    possível organizar uma reunião on-line à luz do dia 6 de maio] ,

    globe-logo.png P17 P18

    @ P17 / Hamouda - Eu disse que a reunião organizada no Marrocos é ir ao fórum do México, para isso devemos reunir, mais, mais, que estão fora, mas o objetivo da reunião da CI no Marrocos é ir ao México para o 20 anos é. § Se não tivermos dinheiro suficiente para reunir esse mundo inteiro, nos encontraremos, mas com os movimentos, não com o CI. Esse é o objetivo . [j'ai dit que o rencontre organizar au Maroc est pour aller au social forum of mexico i faut meet plus plus plus -mais l'objectif de la rencontré CI du Maroc c'est pour aller à mexico c'est ça that nous organisons se nous n 'avons pas assez d'argent nous ferons o rencontre avec mi mouvements pas le ci] -% Rita: Que movimentos; Hamouda, de onde? % Hamouda: de todo o mundo! -% Rita: Mas com que dinheiro?

    @ P 18 / Mauri: Ninguém é contra uma reunião de movimento, mas § esta reunião não pode tornar uma reunião do CI inviável. O importante é que precisamos de uma data de outubro para nos encontrarmos, e assim eu encontro o IC e os movimentos. % Pierre - mas separados em dois momentos mas nada sai -% Mauri May Hamouda nos dá um encontro. § No dia 15 de julho, Hamouda nos dará a data da reunião em Marrocos.Dois momentos - outubro é amanhã. -% Hamouda: Vocês tem plano B? -% Mauri - não temos: Existe um processo de diálogo com movimentos nacionais, temos um fórum de resistência em janeiro em Porto Alegre. Juntamente com outros movimentos há idéia de um processo, não necessariamente temos todos juntos ao mesmo tempo. -% Hamouda: Todos concordamos. Bom Marrocos e Porto Alegre. Continuado

    globe-logo.png P19

    @ P19 / Pierre: Hamouda, você pode dizer se existe uma condição agora para fazer um modesto IC eficiente, prata legítima para plano B menor? Em março, você nos disse que houve uma reunião em Marrocos e não houve apreensão de que querer torná-lo grande demais não faça nada -% Mauri: Hamouda diz que grande reunião ou não -% Hamouda: reunião do Marrocos de 30 40 50 stp depende de la plata - não sabemos o tamanho ... Discussão sobre Salvador de Bahia dizemos “existe um CI no México, em novembro” e ninguém vem -% Rita - mas nós vamos fazer um fórum -% Mauri: hamouda A que horas definir a data? -% Hamouda 15 de julho -% Mauri estamos prontos -% Pierre pronto para o que?

    globe-logo.png P20

    @ P20 / Rosa: Não tenho certeza se sua perspectiva é que o México está indo ou não -% Hamouda: sou a primeira pessoa a lutar para ter o FSM no México - em 2009 CI Marrocos e 2010 CI no México -% Tiburcio: um esclarecimento quando Você diz "um grande evento", isso inclui uma reunião de IC muito representativa? % Hamouda - primeiro é o CI mais movimentos que podem ser convidados -% Pierre: §o princípio é que há também dois momentos separados (movimentos CI e CI +) -% Todos: sim! % Mauri - § depois de 15 de julho para confirmar datas -% Hamouda: Armando falamos amanhã sobre o FSMSSS Mediterrâneo

    globe-logo.png T1.2

    B2 T1 / 2h15mn - Mauri voltamos ao ponto anterior - tema dos eixos Retornar ao plano

    globe-logo.png P21

    @ P21 / Fanny: axes o processo FSM é avaliado um pouco 20 anos de FSM, e os eixos, penso olhando para o processo -: o processo fundamentalmente ganhou muito em tornar visíveis as demandas de todas as populações, e menos em ação. Muitas iniciativas são geradas, mas não há mudanças importantes nesses 20 anos, atribuídas a todas as condições do contexto. Tiburcio com a ONU também me perguntou: os movimentos sociais também entram muito na agenda da ONU e como permeiam essa agenda que fala da transparência dos direitos humanos, dos povos indígenas. Mas essa instituição cheia de prata pode fazer essas coisas e a sociedade não participa, § como nós permeia a agenda das Nações Unidas , como defendemos que essa agenda seja transformada, e há uma chance maior de conseguir algumas mudanças. É uma coisa boa que a agência da ONU esteja fazendo com que os governos assinem um compromisso, e mais ou menos acompanhamento e controle.

    globe-logo.png P22

    @ P22 / Rosa - está ligado a movimentos sociais que dialogamos por um tempo. Compartilhe que entrei em contato com alguns colegas da América Latina que estão em movimentos mais amplos. Por exemplo - “movimentos de alba” Encontrei o coordenador em Havana em janeiro como parte de um evento “paradigmas emancipatórios” que está longe da Argentina e eu escrevi para ele. É claro que eu sei que existe um relacionamento "particular", mas eu disse "Estamos no processo do México, gostaríamos que você se juntasse", ele disse "Obrigado por nos convidar, nós avaliamos e estamos falando aqui". § Estamos dando os passos em termos de movimentos . Sobre o movimento das mulheres, bem, existem esses 5 eixos principais que foram mencionados § sim, eu gostaria de acrescentar tudo o que tem a ver com o confronto com o sistema capitalista patriarcal, colonialista e racista que todo um esquema que está estruturando. Algo que tem trabalhado muito que tem a ver com o que Rita disse, com a dominação das subjetividades . É na linha que Rita diz, talvez seja transversal, mas temos que retomar.

    globe-logo.png P23

    P23 / Vittorio 2h20 - em Itagnol - retomando o que Mauri diz sobre as etapas do fórum - no início o fórum representava um horizonte alternativo ao sistema, um símbolo mundial. Foi muito importante que nas primeiras edições o contraste com o encontro de Davos em uma sociedade de meias. É muito importante mostrar o contraste "esta Davos" e "esta Porto Alegre". A situação mudou. Eu acho que sou realista. Quando organizamos um fórum, ninguém fala sobre o nosso fórum. No mundo, apenas as médias do país onde está o fórum. O fórum não se torna um símbolo mundial. Eu fiz todos os fóruns de 2001 a 2016 no Canadá e lá eu disse a mim mesmo que a história tinha acabado. O fórum fala ao Canadá. Agora eu digo as coisas que penso serem verdadeiras. § O fórum serve o país onde é feito - 80% é assim e está indo bem . Porque se organizarmos um fórum no México, § para organizações mexicanas, é uma grande oportunidade para os mexicanos aprenderem sobre outras experiências . Mas o fórum do México não fala nada para o Cazaquistão ou Nigéria 2 / § O fórum é uma oportunidade para trocar informações, mas menos do que antes por causa da internet, onde é tão trocada.

    $: Se uma visão procedimental do fórum é realizada, e uma rede de grupos interativos é criada em um “mesmo ambiente facilitador FSM”, espaços temáticos e geográficos, novas possibilidades se abrem - http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20 -Eu consome 64 s

    O Fórum do México é importante para o México e a América Latina. Acho que devemos adicionar outra dimensão, devemos brincar com os instrumentos de hoje, não há 20 anos. Muito importante talvez que quando o fórum é organizado e também o conselho internacional, se busquem datas de um encontro de neoliberalismo 2 / § organize [no próprio evento] 2 ou 3 sessões com nomes de homens e mulheres conhecidos no mundo que desafiam os representantes do neoliberalismo . Isso é novidade e depois de 20 anos, devemos decidir se sobrevive ou se é relançado. Este é o contraste: debate Naomi Klein e presidente do banco mundial. Debate entre redes de Assange e poder da mídia neoliberal. Todos olham desta forma, as pessoas na Índia e na Nigéria não podem estar no México, mas todos os jornais falam sobre isso, e § devemos usar este instrumento para divulgar nossas opiniões . O mundo está indo para a destruição.

    Se não formos capazes de puxar todo mundo, nossa atividade é baixa. Outra coisa 3 / § é muito importante a fase de preparação, agora como usar as redes sociais, com um logotipo e 5 palavras muito claras e traduzir esta frase de luta, em todas as línguas do mundo - ok? Devemos nos fazer entender que § somos a alternativa ao poder neoliberal .

    A última coisa: na minha experiência, os fóruns tornaram-se pouco úteis em todo o mundo, porque o poder neoliberal é organizado globalmente: Trump fala com Bolsonaro que fala com Salvini - um fundo financeiro de Seychelles fala com Wall Street. De que maneira tornar-se visível, no final do fórum devemos indicar 3 ou 4 campanhas não mais globais , cada um com um logotipo e nome e que é feito em todo o mundo de uma maneira diferente. Desta forma, todos reconhecem que § esta é a campanha do fórum social mundial . Discutir a troca não pode fazer 150 campanhas. § Escolhemos 3 ou 4 campanhas, mas existe o logótipo do fórum e o logótipo da campanha com 3 ou 4 pessoas que fazem o contraste, e isto pode ser uma nova vida do fórum.

    globe-logo.png P24

    @ P24 / Armando 2h29mn - Estamos coletando elementos para organizar e fornecer um documento de discussão. É claro que existe um certo acordo de que o fórum deve ser relançado com uma força de mensagem centralizada. De acordo com o vitorio. § Que “FSM” seja uma marca que possa circular . Temos que nos conectar com outras iniciativas, mencionando Naomi Klein ou Ricardo Petrella e seu coletivo, eles são intelectuais, que não são movimentos sociais, têm impacto e arrastam mídia e visibilidade. É importante - precisamos de porta-vozes para entrar no fórum e nos ajudar a impactar o que queremos fazer. § Há uma ideia de uma totalidade que pode ser traduzida, talvez, dentro de um amplo quadro da agenda de mobilização , para tê-la como centralidade numa hegemonia alternativa. Tornar visível Hoje, o modelo nega - puxa as pessoas para fora. E estaremos em § Em 2021 haverá complicados "dias depois" . Ir ganhar Sanders, a reeleição Trump é possível. O fórum no México tem um impacto direto na América Central. Hall onde as coisas são expressas. Tem casos dramáticos, ambientais e trabalhistas como Andrés Barreda já mencionou .Isto pode ser melhorado e o projeto alternativo que é mais compreensível, que as pessoas podem acreditar que pode ser transmitido na comunicação global . Muito trabalho preparatório, § devemos chegar a este fórum com teses estruturadas e desafiar movimentos para uma proposta de convergência , não ter milhares de oficinas paralelas, mas sim uma proposta de convergência para uma agenda integrativa. Para participar desta construção. § Tema central do fórum deve definir o que

    globe-logo.png P25

    @ P25 / 2h32mn Mauri: Eu não discordo do que foi dito. Minha preocupação é a metodologia. Participei de muitos desses momentos, mas os movimentos sociais de fora continuam em seu caminho . § Eles também não querem saber “o que o fórum pensa”. Temos a capacidade de nos colocarmos como ator internacional e isso significa ter uma leitura correta da realidade. Agora a situação é muito diferente de 2001. Há um sentimento de emergência , não temos que nos treinar para dialogar com o sistema e temos que colocar o fórum como voltado para o sistema , não para dialogar com ele. O fórum é o único processo de globalização que, apesar de nossa dificuldade de mobilização, todos os movimentos internacionais são temáticos, são segmentados. sindicalistas, ambientalistas, mulheres, Indígenas, negros, são temáticos.

    § É o único processo que procura envolver todos como atores, não como convidados , é um processo de fórum de 20 anos - processo horizontal e democrático - Temos um fundo e uma autoridade, uma credibilidade, para propor a criação de um espaço Eu acho que § o fórum É o espaço de construção da unidade. É um espaço, não devemos prover unidade, devemos fornecer espaço, a unidade deve ser o reflexo da vontade de se mover . -% Rosa tem uma linha fina -% Mauri: Há uma leitura da realidade sobre a iminência de um colapso, sobre a ideia de que o sistema não se importa com a vida. Na cabeça disso, como fazemos coletivamente? - O melhor caminho seria este: § É necessário colocar o fórum como ator internacional. Não?

    globe-logo.png P26

    @ P26 / Pierre: 2h36 § O fórum não é um assunto para mim, é um espaço e um processo - construído coletivamente -% Mauri: §si! Como espaço, é um assunto. Você entende -% Rita § E é espaço ou está sujeito! -% Pierre: § Há muitos “caminhos cortantes” na expressão verbal, e então essa ambiguidade nutre comportamentos que as pessoas esperam “do fórum” como um assunto -% Mauri: Você concorda com campanhas internacionais? -% Pierre Concordo que há § campanhas internacionais no fórum e que não são as campanhas do fórum que são construídas a partir de (por alianças de) movimentos -% Mauri: não são campanhas do fórum ¡¡± Pierre. É importante dizer, se você ouvir o Vitorio ( @ P23 ) acha que é a campanha do fórum, estamos falando - se a campanha quer colocar o logo da fsm ela coloca ao mesmo tempo que tem seu próprio logo. * Cada campanha é autônoma, com o seu grupo de entidades promotoras e tem a sua própria identidade -

    % Mauri: não há divergência do ponto de vista - nem político nem metodológico. Você tem como precaução que não há ninguém para falar em nome do fórum . %Rosa claro! -% Mauri: Agora, se TODOS os movimentos forem para o México e concordarem com uma campanha internacional, não é a campanha do fórum, mas a de todos -% Pierre: é um fórum no fórum -% Mauri § é uma diferença semântica . -% Armando Tem a marca do fórum -% Pierre: não é semântico - § a campanha pode ser reclamada do fórum; isto é, pode ser comunicado: "esta campanha foi potencializada no fórum", você pode colocar o logotipo fsm se quiser e também ter seu próprio logotipo primeiro - -% Mauri: § "quem" aponta para a necessidade de "outro mundo possível"? % Pierre - as campanhas? - % Mauri § O lema é o fórum social mundial, o lema de um sujeito que apontou para uma necessidade . -% Pierre: § Assunto ou fórum espacial? É outro debate - é um debate que podemos seguir

    Fórum do Espaço do Fórum ou Fórum de Assuntos Políticos é um debate relacionado, mas um pouco diferente do espaço do Fórum ou da organização do Fórum http://openfsm.net/projects/wsfic_fsmci/salvador17-input18/#ES

    globe-logo.png P27

    @ P27 / Mauri- Não vamos definir isso aqui - § Eu gostaria de concordar aqui com um processo até maio de 2020, que nós, de convite aos movimentos para a necessidade do papel do fórum do México, precisamos ter holofotes, unidades de pontos, que não são uma soma de todos os pontos de todo o filme - por isso Pierre - este é construído [de baixo] -% Mauri… § Que nos propomos a elaborar textos propostos momentos , - na Colômbia você pode conhecer e propor, mulheres, o Ceaal pode propor. Que chegamos em maio de 2020, quando tentamos nos unir . E nesse sentido a fsm estará contribuindo para a unidade. A união não ocorrerá em janeiro de 2021

    $ Linha do Tempo “Bogotá”: http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-insumo58/#lineatiempomx

    globe-logo.png P28 P29

    @ P28 / Chandan: 2h40 Minha associação com o FSM é limitada, e a oportunidade do FSM é importante. O FSM é criado para combater a política hegemônica do Fórum Econômico de Davos. Dito isto, existe um contexto histórico. O mundo mudou e não podemos excluir o fato de que o capitalismo digital assumiu o controle de muitos rolos que costumávamos ter . Você lista uma série de desafios, de acordos comerciais em vários hemisférios. Por exemplo, RCEP (maior acordo econômico do mundo). O mesmo é o discurso da Rota da Seda “um cinturão num só caminho”, a China assumirá o controle de todo o discurso econômico do mundo, e é por isso que os EUA temem. O paradigma político e econômico do mundo mudou. Por isso, proponho duas coisas: 1) criar um grupo dedicado que faça pesquisa holística para localizar e procurar vários intelectuais , como Amartya Sen e Naomi Klein em todo o mundo, que falam de uma nova forma de escravidão econômica que substituirá o debate convencional. sobre o neoliberalismo. Eu percebo que WEF Davos se tornou agressivo e que § o FSM teria que pensar em atacar Davos com sua própria imagem .

    @ P29 / 2h43mn Mauri: a ideia de rotear nesse primeiro ponto. Essa ideia de abrir um processo, até maio de 2020, a idéia é que nós poderíamos nos constituir em um pequeno grupo para elaborar / sistematizar nossa proposta em um documento, como uma metodologia - não propondo os macro-eixos, mas as questões que precisamos . Um documento para convocar o processo de diálogo .

    globe-logo.png P30

    @ P30 / Armando: Este documento seria base para a consulta de Tiburcio . Apenas uma correção eu acho que o significado deste documento, § a ideia de que o fórum é mais espaço para alianças do que unidade. - (todxs: siii) - Mas a união é um compromisso muito mais complicado. Então alianças. Mas a coisa mais importante a lembrar é que em 2001 quando começamos, levantamos a mão "não concordamos", mas hoje em 2021 o que temos é a evidência de que esta situação é terrível, § há uma devastação neoliberal que a torna visível . O mundo está em permanente apreensão, mas não está relacionado ao modelo neoliberal . Dizendo: “É a crise que você criou, a conseqüência do que você nos impôs. Estamos propondo outra coisa, então você propôs fracasso, claro, democracia, fracasso social e ambiental. § Seja claro sobre isso e, em seguida, diga "essas são nossas alternativas" ou. Reúna toda a energia criativa que há muitos e até mesmo dê espaço ao debate de certos governos que tentam sobreviver . Vale a pena chegar perto disso. Não é menos no México para este fórum. § Espero que a intenção política anti-neoliberal sobreviva no México.

    Mauri - vamos comer e escolhemos pratos para avançar o almoço.

    globe-logo.png P31 P32

    @ P31 / Marui 2h47mn Outros pontos? Ponto 2 também estamos enfrentando e ponto 3 ... - Armando: - Vamos supor que o fórum do México vai sair.Para mim, o encontro no Marrocos é para ver como vamos promovê-lo, para afirmar que já está, não há outra alternativa.

    (2h48mn-2h57mn escolhendo prato de comida)

    Tivemos que ver medidas práticas, o que podemos fazer para que isso aconteça.

    @ P32 / Pierre: § Os roteiros da reunião serão formulados por escrito com mais calma como o primeiro ponto .- % Mauri: Estamos sugerindo um processo, a necessidade de unificação do processo e a data de maio de 2020. -% Pierre:… como facilitadores, tentando formular um documento que convida, sem nos transformar em politburo. -% Mauri: § elaboramos um texto e circulamos entre nós, antes de circular mais amplamente

    globe-logo.png T3

    B / T3 Articulação - Conexões . Retornar ao plano

    2h57mn –Mauri: vamos ao ponto 3, a questão da articulação. Eu acho que nós começamos o ponto.

    globe-logo.png P33

    @ P33 / 2h58mn Ponto 3 - Mauri § Desde Porto Alegre 2017, há uma grande preocupação do CI que procura adicionar movimentos ao vivo .Hoje, há aqueles que se juntaram desde 2001, principalmente na Europa, a maioria deles que não existe tanto - mas hoje muitos movimentos que são muito importantes por causa disso - Hamouda instituiu diz "não estamos interessados ​​no antigo CI, precisamos de um IC atual" . Rosa Claro - Há um roteamento que lista os 100 movimentos mais importantes agora, há um esforço no processo do CI para ser ouvido -% Rita cartografia Damián, Hamouda, Gus -% Pierre: isso foi no âmbito do grupo de trabalhar na montagem de lutas

    O link para a lista elaborada pela reflexão GTde sobre a montagem de lutas está nesta página http://openfsm.net/projects/transitionci/transicionci-aml-input-consultation-dec17 ]

    % Mauri: há esforço que os movimentos são. O que nos interessa é o mapa. uma luz do mapeamento faz uma carta rúnica para convidá-los, § faz uma carta de convite, articula reuniões . Eu não acho que é contato virtual, é um processo político. Ele teria que ter contato físico. § Eu falei com a Marcha das Mulheres . Divisão de quem fala com quem . A Marcha Mundial das Mulheres decidiu ficar fora do fórum como todo o resto, mas participar de reuniões de fórum porque existe um processo vivo que acaba de ser afirmado. Mantemos um diálogo permanente com a marcha mundial, chamado aos movimentos e divisão de "quem fala com quem" , diálogo com cada movimento

    globe-logo.png P34

    @ P34 / Armando: Ouvindo esta iniciativa [mapeamento do movimento] § seria interessante mapear fóruns temáticos e regionais . Saiba o que está acontecendo, quais organizações estão lá. Tenho a impressão de que eles têm vitalidade que não é percebida do CI, porque as pessoas não podem chegar. Interessante se existe a possibilidade de mapear um fórum pan-amazônico, tem uma vitalidade crescente, um fórum de educação que não é endossado, fórum de Barcelona, ​​- fórum de mineração. São articulações temáticas regionais que devem ser mais bem entendidas, para mobilizá-las na direção do esforço central do México. § Admas ou melhor usar essa capilaridade, comunicação. O que Vittorio disse, a sensação de que os fóruns gerados pelo FSM 2001 são muito vitais. O mundo fsm, em sua forma original, o grande fórum, é um avô um pouco cansado e gerou tantos netos, § Sabe o que está acontecendo e consegue gerar narrativa .

    Algumas trajetórias poderiam identificá-los. Saiba por que eles perderam força. -% Tiburcio: o FSM é uma capital política difusa -% Armando não podemos mostrar que quero tomar essa iniciativa -% Pierre § Posso trabalhar com você para este mapeamento, mas também escrever para o comitê de facilitadores porque desde março CI Em 2018, foi decidido que os comitês de facilitação seriam “membros da lei” do CI e, até o momento, isso não se concretizou -% Rita: Quem está mapeando os movimentos? -% Mauri: Gus Damien Hamouda -% Pierre: mas isso foi dentro da estrutura da reflexão do WG sobre a assembléia de luta -% Mauri: uma questão que está sempre presente na reunião do CI. O que nos interessa é o mapeamento de movimentos para contatar e apresentar o processo - -% Armando vai nos ajudar muito nos eixos -% Rosa: Pierre e Armando -% Mauri podemos dividir a tarefa -% Armando: nos organizamos e estamos abertos para que querem colaborar para mapear fóruns temáticos e regionais para complementar o mapeamento de movimentos

    veja espaço em fóruns sociais temáticos: http://openfsm.net/projects/fstvisions ] -

    globe-logo.png P35

    Rosa: mostra na tela a § Tradução automática dinâmica em inglês de suas anotações em espanhol feitas por Chandan e que permite uma melhor inclusão lingüística no encontro.Essa mulher que aqui escreve as notas em espanhol e traduz automaticamente em inglês n (aplausos)

    @ P35 / Janneth 3h06mn: Sobre o mapeamento, isso me faz perguntar. Como fazê-lo? § Os movimentos sociais emergentes nos países não são necessariamente articulados em iniciativas regionais , mas importantes nos países. Como gerar essas pontes para que essas vozes cheguem atélá em todo o mundo -% Pierre: você pode dar um exemplo? - Janeth § Coloco como uma preocupação para nós pensar sobre isso § como gerar vínculos com esses movimentos nacionais que não estão na arena internacional que não estão ligados a iniciativas latino-americanas - - finalmente na internacional chegamos alguns e aqueles com certa possibilidades

    globe-logo.png T4

    B / Marui3h08mn T4- comunicação: partiu para a tarde,

    Na verdade não tocou

    globe-logo.png T5

    B / próximo ponto T5 - Metodologia: facilitação que cuida disso Volta ao plano

    globe-logo.png P36

    @ P36 / Mauri: existe alguma ideia, eu acumulo na metodologia dinâmica do fórum de 5 dias? -% Rosa: Nós compartilhamos de uma maneira geral, para compartilhar a estrutura do FSM na macro-programação de Salvador Bahía. Nós não avançamos em concreto. Está em construção . -% Pierre: § O evento está longe. A prioridade é construir o processo que vai para o evento -% Rosa No evento como tal, marcha do momento de abertura, coletiva de imprensa, gostei muito de como ocorreram as atividades autogerenciadas de convergências, foi muito bom, as assembleias de mulheres de movimentos, a agora de futuros que talvez devam ser vistos como uma vida mais orgânica e mais movimentos . Mas nós não temos algo definido -% Pierre: talvez para o Marrocos? como está escrito na apresentação do méxico

    $ Veja a entrada na construção inicial do processo de interfone do FSM XIV nos próximos 6 meses: http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-insumo64

    globe-logo.png P37

    @ P37 / Rita: 3h09mn Alguma metodologia foi discutida em outros pontos, quando se propõe que muitas decisões e conformações são feitas de forma participativa, § como uma “área” é aberta para participar. Mas um metodologista de como isso vai se transformar em uma contribuição efetiva para a função da comissão é necessário , -% Pierre: comissão que -% Rita: comissões temáticas ...% Rosa: cada comissão deve ter sua dinâmica. -% Rita: Como Mauri diz, as pessoas do grupo de facilitadores que vão trabalhar realmente serão poucas; é necessário pensar como esse processo participativo é legitimado , como um processo de trabalho efetivo para o fórum.

    Haverá muitas comissões que são estruturais do fórum, que precisam estar em um esqueleto, a estrutura principal do fórum, o funcionamento operacional do fórum. E há § outras comissões que surgirão pelos temas [ não são consideradas comissões temáticas no momento, mas "espaços temáticos por eixo", abertos aos participantes e com a presença de facilitadores do coletivo proFSMXIV ] Muitos surgirão porque alguém o propôs Para fazer sua atividade. Em seguida, também é necessário definir quais são as comissões que serão responsáveis ​​pela operação de todo o fórum . Por exemplo, uma comissão de mobilização [$ está em construção e é chamada de "comissão de cuidado / desenvolvimento de processos de intercomunicação" ] e metodologia para todo o processo do fórum. Tem que haver uma separação entre os dois, mas há um problema.Para falar sobre a coisa participativa.

    $ Veja a entrada em discussões em curso na organização coletiva: http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-insumo49 veja o processo do cuidado da mobilização da comissão http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-comision-cuidado- do processo

    Como veremos na discussão sobre comunicação, deve ficar bem claro que § o processo de construção tem que ser um produto de participação,e não de um projeto muito revertido para o uso de ferramentas de mercado e está chegando em breve (a comissão está discutindo que) (referindo-se à comissão de comunicação) ou se vai ser feito - pela formação de grupos para cada tarefa - Por isso é muito importante que todas as metodologias valorizem, muitas coisas não vêm porque as pessoas participaram, e é necessário decidir. Mas todas as atividades devem ter uma prioridade de participação. Isso é o que eu vi no processo do México que talvez precise. porque § Vem muitas pessoas que ainda não têm um senso da história do fórum, e porque o fórum é contra hegemônico, porque vamos tentar outras coisas, em todos os sentidos, não apenas comunicação. Portanto, é importante colocá-lo como parte metodológica .

    $ Veja comissão de reuniões de histórias http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20index/#commissions em commissions particular comunicação e metodologia

    globe-logo.png P36

    @ P38 / Mauri -3h14mn Gostaria de pensar em voz alta, como diz Armando, com esse diagnóstico de que o FSM atualmente tem uma forte dimensão nacional, o que é bom. E que há muita dificuldade em poder promover o processo de articulação internacional. § Talvez seja uma boa experiência, imaginamos uma metodologia em que o processo nacional é separado do processo internacional . Certo? Porque Nós criamos uma dinâmica como se tudo fosse a mesma coisa. Temos 1200 atividades em 2018, como se fosse a mesma coisa e também não conseguimos acumular processos. Nesse sentido, pensando em voz alta, as atividades autogestionadas propriamente ditas nos preocupam que fossem mais nacionais, mais locais. Se pode ser de outros países, mas não temos muita necessidade de convergência para construir,

    § Mas que as convergências são fundamentalmente processos internacionais, § com critérios prévios: que para instigar uma convergência (no site preparando o evento do fórum) , seria necessário um processo prévio ao fórum . Uma convergência não pode ser registrada diretamente no fórum ( o site prepara ). Seria necessário preparar um “documento básico” dessa convergência -% Rita um documento básico de convergência -% Piero: Sim, e as convergências internacionais podem ser auto-organizadas da mesma forma -% Mauri: É auto-organizado! % Pierre Ah bem -% Mauri Claro! Nós temos uma convergência na comunicação, é autogerenciada. Mas, para registrar a convergência, precisamos ter um processo anterior. Em outras palavras, não podemos registrar o plano "no fórum". Temos que ter uma ou duas reuniões -% Rosa: Anterior! -

    % Pierre: É isso que estamos colocando aqui, porque nos espaços temáticos FSM XIV, a ideia é que as pessoas façam “encontros” ( encontros online com várias sessões localizadas em espaços temáticos, reuniões auto-organizadas que preparam atividades e iniciativas ver abaixo do parágrafo ) -% Mauri: Mas estamos falando sobre a metodologia do fórum -% Pierre: O que você quer dizer sobre o evento? -Mauri: Sim Não .- Pierre: § Você está falando sobre o evento? Porque já estamos no processo. Estou tentando entender, não estou criticando-% Mauri: historicamente o processo do fórum face-a-face é autogerido. Na prática, colocamos um site e as pessoas propõem o que querem até mesmo de convergências -% Pierre: se o único critério para anunciar assembléias de convergência é formal que elas são mais de 5 organizações -% Mauri: Isso!e esse processo não contribui para uma acumulação dinâmica do processo do fórum, existem processos que são isolados e não dialogam entre si.Estaríamos propondo uma metodologia que permaneça autogerenciada, certo? e § contribuir para a dinâmica de acumulação. Seria com o processo anterior algo anterior que tem um documento básico anterior para que, diante da convergência, houvesse a possibilidade de diálogos entre acumulações construídas e mudanças.

    Um pouco como no fórum da saúde, que foi mais ideia do que eficaz, porque as propostas de Armando e as outras mesas do primeiro dia estavam dispersas. Mas a idéia é boa A acumulação ... -% Pierre: o que você chama de acumulação? O que você quer dizer .-% Mauri - Se tivermos água, não começaremos do nada Há um acúmulo sobre a luta? Um documento que diz qual é o papel dos movimentos neste momento são as propostas da agenda que é proposta -% Pierre - um documento que passa do passado para o futuro que é feito por um grupo de organizações / movimentospara o processo de desenvolvimento -% Mauri § É o que tentamos em Bogotá foi fazer o processo FSMSSS em três dias, a acumulação (primeiro dia ) trabalho de grupo (segundo dia) de roteamento (terceiro dia) e não foi possível . As convergências seriam todas internacionais, certo? Eles tiveram que ter vários países -% Tiburcio: Agora você se refere a § a organização que toma as iniciativas -% Várias organizações sempre em um conjunto -% Mauri é um critério sempre mais que uma organização -% Rita Fanny é escrita

    globe-logo.png P39

    @ P39 / Fanny 3h19mn: § Há um exemplo com as mulheres de Salvador: houve um processo anterior O estado da arte foi mostrado, que são as questões das mulheres. um documento base foi feito e, em seguida, a montagem foi alcançada, os problemas foram discutidos. -% Rita - § A chamada foi assinada por 80 organizações, apenas a chamada, após os pontos serem discutidos. -% Fanny Nós vamos nos encontrar. % Rita Onde? documento de montagem: quantas organizações assinaram os dez princípios)

    globe-logo.png P40

    @ P40 / Pierre 3h19mn: No nível metodológico, como disse anteriormente, sou a favor de ter claramente na metodologia aquela noção de iniciativa auto-organizada (luta, campanha, projeto com datas de ação pública) , que as pessoas, além de preparar suas atividades, formular uma descrição de iniciativa (lutas de projetos de campanha) § que já existem ou estão sendo construídas no fórum. A condução de uma iniciativa também significa expressar metas de análise, definir tarefas organizacionais e preparar ações públicas, e essas ações podem ser agendadas com datas provisórias [ em um calendário do futuro FSMXIV ] -% Armando Pierre Pierre! -% Rita: é uma possibilidade . -

    % Pierre: A Claro é voluntária, mas digamos que uma iniciativa que não tenha uma “data de ação pública” e que queira ser visível no FSM não tenha muito conteúdo. Você pode descrever uma iniciativa em 5 linhas hein, você não precisa escrever uma tese! A ideia é que com uma data de ação pública “não há lugar para se segurar”, os participantes vêem que “aqueles que promovem a iniciativa em nome de um grupo de entidades , estão querendo fazer isso e têm uma data proposta de ação pública dentro do quadro. do seu projeto, luta, campanha ”( Esta noção de data de ação pública - de um a três por iniciativa - permite a constituição“ de baixo ”de um calendário de futuros, sem a intervenção do comitê facilitador no conteúdo. Também estimula pedagogicamente o planejamento de a mesma iniciativa ) -

    globe-logo.png P41

    @ P41 / Armando: 3h21mn - Eu acrescentaria o seguinte, porque tudo isso que Mauri Pierre disse, § temos que desafiar isso para culminar na ideia de uma agenda que nós politicamente construímos e colocamos como uma "agenda do fórum" -% Pierre: Há discussão ( sobre essa noção de “agenda do fórum” e quem é “quem a construiria” ) Armando: mas é importante! -% Piero: a discussão também é importante! -% Armando: como chegamos lá, porque isso vai ser uma lista de intervenções, e isso não nos dá poderes -% Pierre: porque “intervenções?” % Armando: § essas palavras são iniciativas, que são intervenções -% Rosa: eles são uma lista de ( datas?) - ações -% Pierre: sim ( intervenções que) afetam a realidade

      % Rita: é que Pierre § sempre procura horizontalidade -% Mauri: Eu também sou horizontal -% Armando aqui não há conflito horizontal e político -% Rosa é agenda política -% Armandão é como nãoosos nós compomos uma agenda, que pode ter vários focos, mas isso tem que ser comensível e credível e que tem poder para as pessoas se levantarem. Olha Tudo bem, eu gostaria que isso acontecesse, como eu posso participar disso? § O esforço político comunicativo que tem que ser mais contundente, § Concordo que devemos ter mais capilaridade no processo de preparação, para criar uma verdadeira convicência . Sejamos claros § A articulação / convergência não é construída em uma hora em um evento, precisa de tempo eu venho de baixo ou não funciona. E quando chega com mais capilaridade, podemos criar alianças . Se eu chegar fortemente do meu foco de intervenção e dizer vamos nos unir, vamos nos expandir para sustentar uma agenda comum, isso começa a ganhar corpo [ ser incluído no grupo promotor de uma iniciativa ou mesclar duas iniciativas ]. Então temos que trabalhar no sentido metodológico para dar um incentivo - Certamente existem movimentos que têm estruturas como dinâmicas e podem contribuir mais, e outros que não funcionam em focas, digamos paralelamente - e o fórum é um incentivo para entrar.

    globe-logo.png P42

    @ P42 / Rita 3h24mn Complementando a proposta de Mauri. Lembre-se de que as organizações aumentam seu trabalho anterior , produzem documentos , organizam uma convergência. § Mas essa convergência também incorpora organizações e pessoas que não participaram da preparação . Há também a ideia de que uma convergência é construída e pode acomodar outros que não participaram do processo preparatório. Isso também deve estar na metodologia. Não há comportamento "Não venha! Esta é a nossa convergência “% vários Não-% Rosa E nós fizemos isso. [$ Pierre: Como os "grupos promotores de iniciativas" são autônomos no espaço do fórum, é lógico considerar um princípio de cooptação progressiva e o direito de contestar a entrada de tal ou tal organização e movimento.

    Mauri: Segundo ponto que o Armando ... -% Rita §Processar o que está vindo para que não seja um mar de coisas, tenha subsídios para construir a agenda -% Pierre: é uma questão profunda que temos que discutir ($ acho que pode haver diversas agendas, promovidas por diversas alianças de entidades participantes que podem vir a interpretar o mesmo “calendário de eventos FSM XIV”, propondo a priorização da visão de seleção de grandes campanhas. Cada grupo promotor de uma Agenda pode usar a forma de uma “iniciativa”. ")

    globe-logo.png P43

    @ P43 / Mauri A ideia de uma "agenda social mundial", onde temos todas as lutas e que as pessoas, de forma autogerida, estão incluídas em uma ou outra, onde quer que elas estejam, é boa, né? Agora isso não é contraditório: "a agenda de todas as lutas" Concordamos que quatro a cinco lutas nos unificam mais e somos todos sobre estes "Certo"? -% Pierre: Isso é visto. § A força dessas “grandes lutas de campanha” é vista através do número de organizações que as apoiam [ através de assinaturas presenciais ou formulários on-line, como iniciativas no fórum e dinâmicas face-a-face na ágora dos futuros momentos finais do evento FSM XIV ] - % Mauri: sim § nada é imposto! [% Pierre: Eu não chamaria isso de " agenda social mundial " mas o calendário do futuro FSM XIV que coleta iniciativas, para distinguir de uma "agenda" que é apoiada por um discurso, e prioriza e filtra iniciativas de acordo com uma visão estratégica específica ]

    globe-logo.png P44

    @ P44 / Armando -§ Existe um problema de "declaração política", § concordamos que somos um fórum nticapitalista, anti-neoliberal e anti-racista . Nós temos nossos acordos -% Fanny Janneth Antipatriarca! -% Armando Nós não vamos esquecer antipatriarchal. Isto é, todos esses elementos que nos unificam. §P Ororicamente, aqueles no fórum concordam [% Pierre: Nós temos o acordo textual da carta de princípios, além disso nós não sabemos J ] § Que seria traduzido para esta manifestação política, que é "estes são elementos da nossa agenda política" , agora vamos mostrar a materialidade disso, ver quais são as "iniciativas" que materializam isso. Em Economia qual é a nossa proposta certa qual é a nossa proposta Qual é a proposta ¿de mulheres, de água, entre outras. Na medida em que isso ganha uma manifestação concreta, e a partir daí podemos destacar algumas reações que nos mobilizam mais intensamente no processo com mais poder simbólico . O significado desta expressão não é claro ) Isso nos dará uma identidade interessante. Existe até mesmo um livro de Naomi Klein, do "Leap Manifesto", que eles criaram para a disputa policial eleitoral no Canadá. É interessante, é uma tentativa para isso: eles fizeram uma agenda. É uma tentativa de fazer com que as várias lutas tenham como uma afirmação que as acolha, que o poder

    globe-logo.png P45

    @ P45 / P ererre: § A questão é o procedimento para declarar um discurso ... quem o enuncia? Como? % Pierre: Uma Agenda de Construção pode ser considerada como uma iniciativa que tem seu grupo promotor da entidade. Várias propostas de agenda podem coexistir relatórios para o mesmo calendário de futuros FSM XIV ] - Eu entendo você, mas -% Rosa eu acho que está sendo construído -% Armando - não é o problema que eles fizeram com um conjunto de organizações no Canadá, Lo Petrella grupo presente em várias folhas ( no primeiro dia FSMSSS Bogotá) com mais núcleo de mobilização intelectual O fato de procurar afirmar, algo que eu possa ler de uma forma compacta, e dizer hey que o que eu quero e vamos apoiar conjuntamente isso tem um poder Grande político -% Pierre: Eu concordo, mas você só tem que estar muito atento com a maneira de fazer uma agenda- % Rosa esta sendo construída com a metodologia % Armando: ter qualidade política do processo para sustentá-la .-% Mauri concordamos ?

    globe-logo.png S1.3

    B / T1 retorna para Axes Retornar ao plano

    globe-logo.png P46

    Armar os eixos é que eu quero falar mais @ P46 / 3h27mn -% Janet propõe, trabalhar mais eixos. Dê aos eixos uma vueltica Preencha-os com conteúdo Eu acho que então-% Fanny há mais ou menos% Mauri: a ideia não é proporcional §acordo concordamos em um processo, cada um de nós tem nossa própria opinião sobre os eixos, - mas concordamos em um processo

    % Pierre - Para ficar claro , eles vão ver eixos que vão sair agora, mas eles não são os eixos macro integrantes de maio de 2020. Mas para começar o processo, haverá o nome dos eixos -% Mauri: eles são sugestões. linhas grossas! -% Pierre Não, § já terá existência como espaços temáticos ( ver página http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-ejes-tematicos ) - As pessoas especificamente virão em grupos ligados ou a esta formulação [com o formulário de inclusão abaixo da imagem] e ao mesmo tempo a idéia é expressa que eles não são definitivos para o evento -

    % Mauri: no processo que será horizontal, uma pessoa que propõe texto de dez páginas que propõe um eixo, é uma boa contribuição, mas os processos de “eixos unitários” estão de acordo com os movimentos de um processo dialógico -% Pierre: que você mencionou de uma consulta em maio em todo o planeta, isso é bom. ( No cronograma do FSM XIV isso seria no segundo trimestre de 2020http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-insumo58/#lineatiempomx - )

    Mas § o processo (de mobilização populacional nos espaços temáticos FSM XIV) vai começar agora, com eixos vindos do povo do México que diz: “Estou interessado em facilitar o espaço temático de tal eixo” . Então, se outras pessoas vierem, quem lhe der uma nuance, melhor. § Não haverá um único facilitador em cada eixo, haverá incentivos para vários para cada espaço temático , e § talvez, nestes meses, o nome e o campo semântico de cada espaço temático sejam ligeiramente qualificados, Uma vez com uma nuvem de palavras-chave Como em Montreal:https://fsm2016.org/es/sinformer/axes-thematiques-2016/ e , portanto, os espaços são identificados com números e seus nomes não são títulos difíceis no espaço intercomunicação - o mesmo que os grupos wsp que os implementam podem ser renomeados ]

    Este start-up ( de vários meses, aproveitando cada dia para “convidar / mobilizar. Informar novos participantes no processo FSM XIV) , é sem prejuízo do que acontecerá na consulta de maio c 2020 e a decisão na Cidade do México de relevância e formulação de macro eixos (ver P6) -% Rosa - os eixos serão agrupados -% Pierre: § a população mexicana e internacional dos espaços temáticos e geográficos começa agora, é o que estou dizendo-% Rita - integração de pessoas no coletivo contribuindo com seu eixo que será o eixo do fórum -

    % Pierre - § a comissão de cuidado do desenvolvimento do processo, de mobilização é esta: é a comunidade de facilitadores dos vários eixos / espaços temáticos -% Rita: coletivo toma decisões que competem com o México - [% Pierre: a comunidade que pode ser metodologicamente treinada através de intercâmbios regulares de reuniões on-line - pode haver um componente internacional e de CI significativo nesta comunidade http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-comision-cuidado-del-proceso

    $ Inicie o processo FSM XIV com espaços e reuniões nestes espaços http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-insumo64 ]

    3h30Mn no final da manhã

    globe-logo.png D

    Depois do almoço Volte ao PLAN

    Vídeo 2 base de transcrição https://www.facebook.com/CEAAL/videos/924088147922783/

    D- Comunicação.

    globe-logo.png P47

    @ P47 / Tiburcio, 0mn a tarefa é apresentar algo mais executivo, porque alguns de vocês já leram a proposta. no México em novembro passado e eles foram respondidos http://openfsm.net/projects/wsfic_fsmci/mexico18-input20/#ES3 . Este é o documento que enviamos. Nosso objetivo é nesta reunião que não é conclusivo, é ir um passo além, - § esclarecer aprofundamento para criar condições necessárias para a formulação de um pré-projeto executivo - a ser apresentado ao IC em outubro em Marrocos Então vamos discutir a estrutura de a proposta, o desenho geral que explica as funcionalidades, mas - é necessário, de acordo com a equipe técnica, fazer um projeto executivo que esclareça em detalhes o que o primeiro módulo significa quanto à sua abrangência e orçamento, em quanto tempo.

    Se concordamos, quero dizer com as pessoas que falamos no Brasil, e fora, há um ponto de consciência de que é necessário que as forças democráticas progressistas do mundo tenham sua própria rede, para fazer seus debates e articulações . A ideia é que tudo o que é visto no mundo hoje, de forma consistente com o que discutimos de manhã, apenas o processo FSM teria a condição de dar base social para viabilizar, muitos dizem que tentativas anteriores fracassaram porque não tinham Esse processo tão amplo e capilar quanto o FSM tinha condições de fornecer uma base para uma alternativa como essa. Isto foi em grande parte porque não havia apoio como o FSM.

    Eu queria concluir se eles viram uma entrevista recente em Maio Ziegler vice-presidente consultor DDHH ONU. A última pergunta da entrevista é “Onde está a esperança? “Ziegler responde , ele está na Sociedade Civil Planetária, na misteriosa fraternidade da noite. eles lutam contra a ordem canibal cada um, em sua área, eles não obedecem a um comitê central e trabalham com autonomia - essa consciência em termos políticos cria uma solidariedade e reciprocidade aprática A sociedade civil é invisível, não tem assento, é visível apenas 5 dias por ano no FSM organizado por brasileiros em Porto Alegre. - em maio agora um cidadão dá um testemunho como este

    Eu acho que no nosso desafio é fazer com que esses 5 dias se tornem um processo permanente e crescente - Essa rede social pode nos ajudar

    Acreditamos que existe uma necessidade e uma oportunidade muito profundas, porque as redes privadas estão ganhando cada vez mais desconfiança, não se trata de parar de usá-las , mas de criar ferramentas sobre as quais temos controle e controle com os princípios do FSM..

    globe-logo.png P48

    @ P48 / Rita 7mn Eu quero falar um pouco sobre esta rede sendo proposta do ponto de vista de seu processo de construção no FSM. Quero ser objetivo, § no processo FSM sempre dizemos que o FSM é um processo comunicativo e sua natureza entre organizações movimentos lutas é a proposta fundamental do FSM implica relações entre organizações e movimentos entre lutas. Tentativas são feitas para conectar pessoas e nunca foi possível oferecer o FSM, priorizar as ferramentas para que esse processo seja fortalecido, a comunicação sempre coloca o trabalho humano, pessoas, voluntários, com a ideia de comunicação compartilhada no fórum, para reafirmar o processo comunicativo, mas sem as condições que lhe permitem fluir, de modo a capacitar-se para ser essencialmente político e permitir a inter-coordenação entre os movimentos .

    Nós sempre tivemos e temos muitas iniciativas que usam esse esforço, mas quando elas são bem cuidadas, elas têm fundos por trás delas . No Brasil Há uma iniciativa muito boa de muitos jovens que têm boas estratégias de comunicação e influenciam a realidade. % Pierre - você está falando sobre a Midia Ninja? % Rita Sim Sempre tem que vir dinheiro das fundações. § Os outros unem as pessoas, energia, mas não têm como sustentar essas plataformas . Pensamos que as organizações do fórum deveriam considerar seriamente fornecer a tecnologia necessária para que o fórum, as organizações do fórum trabalhem com sua especificidade política, para propor outro mundo. Posso trabalhar para a melhoria do mundo. Não pode ser feito apenas se pudermos usar tudo o que existe, mas como guerrilheiro. Adequado para distugar o sistema. Mas precisamos considerar quais instrumentos precisamos.

    Então essa discussão no processo FSM permitiu, por parte das forças humanas da luta de comunicação, reunir muito, elaborar muito, propor muito. § Mas por parte da tecnologia, suporte e priorização, isso não tem sido desde o início. Então no último FSM em Salvador, tivemos muito trabalho de comunicação, mas não tivemos como torná-lo mais internacional . Como nem nós nem as outras organizações criamos um, eles não tinham compromisso de preparar o fórum. Assim, para menos na comunicação, o fórum também deve existir na dimensão digital. Portanto, o fórum deve existir na dimensão digital.

    Por isso, depois de Salvador, tivemos uma forte discussão sobre a questão política da comunicação , há inclusive propostas. Mas havia uma específica onde queremos nos ajudar a avançar, para ajudar o processo do fórum a avançar. § No IC Houve uma demanda feita por Oded no CI de março de 2018 ) - § é necessário usar a tecnologia para tornar o fórum mais conhecido - nossa preocupação de que a tecnologia seja usada para facilitar as conexões de rede do fórum - mas também a preocupação de torná-lo mais acessível, para pessoas que não conhecem o FSM e sua proposta. A partir daí, começamos a ouvir as pessoas que são do mundo da tecnologia no Brasil, convidando-as a dialogar e trocar ideias com pessoas que fazem parte da história do CI e do fórum do FSM. Para saber o que há em comum, foi um processo que envolve muitos partidos. Agora estamos em outro momento das formas de comunicação.

    Ouvimos mais pessoas do que estão agora encarregadas da síntese desta proposta . Então, uma pequena equipe de tecnologia, que participou de todo o processo, ouviu a elaboração e a reformulação, e depois fomos para o México e a CI fez perguntas. E este grupo nos dá feedback com uma proposta, que não é a proposta de substituir os sites, as coisas que os fóruns têm, mas para se concentrar na função de rede, mas não uma função de rede para as pessoas entrarem e fazerem o que eles querem § Mas que o mecanismo seja criado para que os círculos temáticos sejam formados, para que os debates possam se organizar difundidos e permitir interações, podendo ser transformados em documentários e tudo e isso é algo modular. Porque é muito caro - uma rede global .

    Não queremos nada menos Uma rede que pode ser usada em diferentes continentes e países. Uma rede que permite um crescimento modular, tanto para a tecnologia, temos um módulo central inicial, que outros são feitos, por exemplo, na Índia, se você tiver os recursos e equipamentos. Que círculos independentes das tecnologias que podem ajudar neste processo também são criados . Essas são as linhas gerais propostas pelos técnicos.E isso com mais detalhes Tiburcio pode entrar em funcionalidades. Queremos ter neste grupo a possibilidade de progresso, sabendo como podemos continuar com isso. Desde que envolveu muito trabalho. Adicionar Uma preocupação histórica do FSM, de não fazer um projeto que seja um, nós somos um processo contínuo de consultas - consultas podem vir - mas como adicionar a rede com outras iniciativas de comunicação e outras tecnologias e funcionalidades. Tiburcio pode detalhar melhor e também pensar em como esse processo pode ser usado, já olhando o que acontecerá no México.

    globe-logo.png P49

    @ P49 / Tiburcio 21mn Posso falar sobre as funcionalidades que caracterizam especificamente as estruturas - isso é uma ilustração (projetada) dos objetivos ( ver documento http://openfsm.net/projects/wsfic_fsmci/mexico18-input20/#ES3 ) - funcionalidades - equipamentos ). Tiburcio, o que é importante para focar a discussão com tudo o que conversamos, independentemente de entrar em detalhes § A reação dos movimentos é que "algo novo está emergindo" no ambiente do processo FSM - isso nos estimulou muito, É uma novidade que eles estão interessados. É interessante para o diálogo saber que processo do fórum está debatendo algo novo e grande, que poderia ser uma contribuição importante para o processo. ”Segundo ponto: desde o começo. Quando você pensou sobre esta proposta,

    § A idéia é servir de maneira concreta para ajudar o processo de construção do processo do fórum, especialmente as edições planetárias da FSM, como o México , não necessariamente com módulos de registro de pagamento, que podem ser desenvolvidos localmente, e depois incluídos ou Não na estrutura da rede. Mas a assistência na construção é dada pela oportunidade de organizações em todo o mundo, começando do começo em algo que é comum no processo do fórum, e que seria focado na construção de eventos locais e principais. Quais funcionalidades o -Incorporar na estrutura da Rede Interagir desde o início na dinâmica do FSM. O § proposto fala de uma faceta pública. Home dl planet - é um terfaz com algoritmo de interrelação de articulação de inteligência artificial que ajudaria o conteúdo, seria amplamente divulgado, para aprender com as discussões de mensagens de avanços de imagem.

    Faceta publica "casa do planeta" e § atrás há uma funcionalidade chamada "círculo de ação". Esses círculos são o coração. É aí que grupos, pela mesma autonomia que faz nos eventos do fórum, registram suas atividades, propostas e debates, suas contribuições. E mesmo por decisão do CI autorizar, muitos "círculos de ação" poderiam ir para "lar do planeta" e se tornar uma coisa pública. Porque a rede pressupõe níveis de segurança. Isso significa que uma organização pode abrir um círculo de debate restrito às participações que determina, assim como você pode fazer uma atividade fechada no fórum (¿), isso também seria possível na rede. note que as atividades programadas em um evento do fórum estão no início "aberto")

    Em seguida, falamos sobre funcionalidades, que estão mais ligadas à facilidade de acesso do usuário ao histórico do qual foi discutido.Sabemos no Facebook ... Funcionalidades que permitem às organizações circular apropriadamente e apropriar-se diretamente de tudo que lhes interessa - é uma ferramenta que personaliza os tópicos de interesse do usuário - calendário de eventos - que é transformado em uma rede aberta, com um nível de segurança limitado à participação das pessoas que os facilitadores determinam. Pense nas possibilidades que permitem. Tudo o que o FSM planeja compartilhar. Áudios, calendários. - deixar claro, os técnicos insistiram muito, que este § não é uma rede de perfis individuais . É uma rede, como a fsm, na qual os indivíduos participam, mas onde o centro da coisa são as organizações circenses. rede para este público, será necessário estabelecer como cadastro individual sua organização, como se faz dentro da rede da forma técnica como descrito. Não é uma rede de perfis individuais. É uma rede na qual os indivíduos participam, mas da sua identidade como organização. O indivíduo participa em nome de um coletivo. Tem que representar algo mais coletivo . Como é feito )

    Através do que é apresentado por Rita e Mi O conjunto é mais ou menos apresentado. Está aberto § Queremos questionar . Lembre-se que nosso principal objetivo é sair daqui, com uma compreensão mais profunda da proposta. E acima de tudo com o acordo para criar a condição necessária para formular o projeto executivo , para apresentá-lo ao CI de Marrocos. A equipe terá três meses intensivos de trabalho para produzir o projeto executivo que traduz essas funcionalidades em coisas concretas. § O primeiro módulo serve de referência para outras partes do mundo para construir outros módulos [P1] que são protocolos tecnológicos integrados para que a singularidade da rede fosse constituída. O IC deve decidir que, apesar de não ser uma rede de perfis individuais, cada participante terá ou poderá ter que definir um ID nesta aplicação . Uma identidade única Para participação em todos os processos do fórum em todo o mundo

    • $ Não houve discussão em Bogotá sobre a “ estrutura / modelo conceitual ” desta proposta de RDS e isso continua a ser feito, à luz das experiências e modelagem e com os detalhes incluídos no projeto executivo.
    • Esta discussão pode ser documentada no IRSD Exchange Space http://openfsm.net/projects/irsd/irsdindex , criado em abril entre Rita e Tiburcio et Pierre, para sediar o trabalho em Rede de Debate Social pelo RSD GT no CI

    globe-logo.png P50 P51

    @ P50 / Armando: 30mn O que é preciso para começar ?.-% / Rita: Aprovação e Dinheiro-% / Armando: Em que ordem existe alguma intenção e estrutura para cobrir o que é necessário, a questão é se o projeto executivo precisa ser materializado. Quanto valeria a pena? -% Tiburcio: 31mn Pedimos um número que não cause remoção. São necessários 15 mil euros e para apresentação em Marrocos. Inclui um ou dois técnicos indo para o Marrocos para o Marrocos. Eu trabalho por três meses.

    @ P51 / Pierre: § Qual é o conteúdo do projeto executivo? Lâminas ou demonstrador? -% Tiburcio 1 / O EP irá definir o que é necessário para construir o módulo inicial. Computadores, base física. Sua capacidade. Seu campo (abrangência). Definir protocolos técnicos, com outros módulos.Isso será definido pelo projeto executivo. O orçamento detalhado Cada fase requer uma especificação técnica: como a página inicial funcionará, o mesmo para os círculos da linha do tempo. § E definição política para que o CI seja determinado . Já existe uma equipe técnica que trabalha desde 2018. Eles trabalharam voluntariamente. Para avançar o projeto executivo e produzir o documento técnico, esses fundos são necessários.Continue a interação política - - Pierre - Eu entendo que este EP é papel, não um protótipo. Não é uma crítica.

    globe-logo.png P52

    @ P52 / Mauri: § É necessário saber qual será a dinâmica desta plataforma. O problema não é tecnológico . O fórum social desenvolveu muitas iniciativas. Milhões de dólares foram investidos no Brasil em 2005, mas não puderam ser usados ​​pelo FSM. À hora H Não arrancao -% Rita é o fórum oficial ao mesmo tempo em 2005 tivemos um grande centro de midias. Em algumas das experiências que a mídia articulou, pressione colaborativamente para o FSM. IPS Carta Mayor no mesmo espaço existe a necessidade de que esse esforço político tenha outro conceito de comunicação

    -% Vittorio: Eu não entendo isso de 2005 milhões de dólares -% Pierre: não conhecemos este projeto de 2005 ( será o projeto Nomad?) - % Mauri: 40 dias antes do FSM de 2005, verificou-se que isso não é viável possível. Nós compramos rádios. O problema Esta metodologia pode contribuir para o processo de comunicação do FSM. § Fracasso porque o foco das pessoas que o lideraram foi a tecnologia . Eles eram pessoas de tecnologia não processual. § Então não precisamos nos apressar . Para qualquer situação, temos tecnologia, o mais importante é o uso -% Chamdan: o que significa aprovação política? -% aprovação política Rosa,% acho que as funcionalidades que é importante não% Mauri: " se uma proposta tem validação" é uma questão muito importante porque o direito pode "poluir" a rede, fornecendo propostas. Um grupo que valide como ¿§ O que é necessário neste esforço que é parte de uma aposta política, que é validado, deve ter um “coletivo de validação” e isso está de acordo. Não é politicamente simples . Faça filtros -% Chamdan agora está mais claro

    globe-logo.png P53

    @ P53 / Rita: Hamouda disse que tudo está aprovado, mas é importante que ele vá para o CI. A agenda política do CI deve ser uma parte definida.Os técnicos devem estar envolvidos, para saber como vai funcionar, está na ordem do dia -% Janeth significa 15000 euros para ir para a CI -% Mauri 42mn Acho que estamos de acordo com a proposta. Não vamos dizer que isso mudou, isso está incluído, a idéia é simples ou suficiente para atender a necessidade do fórum, projeto executivo. Estamos discutindo um projeto para acompanhar a dinâmica do fórum, concordamos com o PPM que o tema da comunicação seja separado. Ajustes podem ser feitos ao longo do caminho. § Da ABONG você tem um relacionamento com a Bread for the World e você pode solicitar 15 mil euros .

    globe-logo.png P54

    @ P54 Armando, 43mn: Eu preparei três projetos com 9 milhões de dólares, mas § é muito pesado, é “um pântano”. Projeto executivo necessário.Isso implica o design inicial, o tema é um projeto de muitos milhões, então você tem que pensar sobre o custo de manutenção. Existem funcionalidades, o problema é "pessoas". -% Tiburcio, 45mn: digamos que eles aprovem. Quando e onde o primeiro módulo pode ser implementado no Brasil. Depois de muitas idas e vindas técnicas, eles disseram: § São necessários 350 mil dólares para trabalhar no Brasil. Uma rede mundial custará milhões com contribuições na Índia, Canadá ... -% Chandan: Eu sou, em média, § há pessoas na Índia que poderiam fazê-lo voluntariamente, pouco dinheiro seria solicitado . Eles são profissionais que alimentam empresas nos EUA. Eles vão cobrar pouco dinheiro -% Armando 46mn: encontrar onde fazer porque há um problema de custo, onde fazê-lo, instalação, desenvolvimento e custo principal vai ser a manutenção. A ideia é boa para fazer interface com os módulos existentes

    globe-logo.png P55

    @ P55 / Pierre 47mn Três comentários:

    1 / o nome do projeto: § Com Rita e Tiburcio, em abril último, concordamos com o nome “Rede Social de Debates FSM” - RSD. ( E um espaço com este nome foi criado em opnfsm para abrigar documentação do grupo de trabalho da CI sobre RSDhttp://openfsm.net/projects/irsd/summary ) De lá eu ouço FSM Platform, FSM Platform, FSM Platform, e me pergunto qual é o valor agregado desse nome, o que isso significa? Questionando sobre o nome, todo o discurso que ouvimos hoje de Rita e Tibuercio é consistente com a “rede social de debates”, e “plataforma FSM” é um nome burocrático que seria como uma grande coisa onde “módulos” são articulados .

    Quem impulsiona a ideia de “plataforma FSM”? Se fôssemos ter um módulo que funcionaria como uma Rede Social para Debates, já seria uma coisa enorme. O resto para mim, sabendo o que é o FSM, está fora de alcance. Em 2010, tentamos fazer as coisas, ( da comissão de comunicação do IC)lembro-me de uma vez que havia 18 mil euros planejados para fazer um "site do processo FSM", que foram capturados pela decisão burocrática de fazer, no Brasil, o site FSM Dakar 2011, ( um site sem qualidade de design e) que terminou em nada.

    2 / O outro comentário é prata, estamos falando em levantar milhões e milhões que duram vários anos, "um pântano", como diz Armando. § Mínimo de 1 milhão de dólares é o valor que foi dado na discussão da CI México. Além disso, o processo do México FSM XIV será penalizado para encontrar 100.000 dólares . Lembro-me do projeto “memória FSM”, um elefante branco de 300.000 euros em 2013-14, que desapareceu do mapa. Não existe um site online que permita acesso a milhares de documentos digitalizados dos anos 2000-2011 da Secretaria do FSM em São Paulo ) Alerta da dificuldade de ter dinheiro. Talvez essa prata possa ser usada em outras coisas para o processo FSM. A realidade das figuras. Onde colocamos a prata? E que preço político a pagar para tê-lo?

    3 / O terceiro comentário, sobre as experiências que podem ser feitas com as "ferramentas do império". Isto é, o que foi apresentado esta manhã, para espaços participativos. Nós falamos sobre o WhatsApp e o Jitsi. O Jitisi.org existe com metade do visual de software livre, gratuito e de acesso livre. § Existe um problema de logística política, "alfabetização cibernética": no processo do México, para ter reuniões inclusivas,propõe-se usar grupos do WhatsApp combinados com ferramentas de software livre como jitsi e etherpad. (“Base digital para diálogo e trabalho” http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-insumo64/#basedigital ). A realidade é que quase todo mundo usa essa ferramenta diariamente em seu celular.

    E o objetivo é usar essas ferramentas do império (o whatsapp serviu para a eleição de Bolsonaro), de um modo contra-hegemônico . experiência das Migrações FSM2018 no México existe, onde, modestamente, na escala de um fórum social temático 1.200 pessoas foram registradas, (85% usaram wsp), elas se colocaram em dezenas de grupos do WhatsApp para o interesse temático. Foram realizadas 120 atividades, para as quais cada uma teve seu grupo wsp onde as pessoas puderam vir conversar com os promotores da atividade [ http://openfsm.net/projects/pfsmm/pfsmm18-quiosco ]. Ou seja, mais ou menos, § está tentando intercomunicação interativa com as ferramentas disponíveis , para fazer algo não tão diferente (da proposta de “rede social de debates” ), só que não tem a segurança, não tem a tradução embutida etc. Porém, no nível do processo de intercomunicação, estamos na mesma área, como Rita falou, e isso contará as experiências que estão acontecendo. (O processo no México começará assim.)

    § Seria muito importante observá-los, ajudá-los, experimentar e aprender lições para uma eventual fase 1 do módulo "A" ou "B" do RSD.Porque lá você pode experimentar a articulação entre o poltioco e a tecnologia midiática e logística e ver o que acontece. § Alfabetização pessoal e coletiva: explorar o que pode ser feito com um grupo wsp dedicado a cada “encontro” auto-organizado em espaços temáticos FSM XIV - com um objetivo político: § Como viver uma comunidade online de participantes FSM, para avançar o debate? Tudo isso pode ser feito agora .

    Isso não é para criticar o projeto de discussões da Rede Social. Mas eu não ouço nada sobre isso no que foi dito. Tire as experiências que poderiam ser informativas sobre o mesmo projeto RDS, sugiro que essas experiências sejam levadas em conta. Agora parece que não há nada. De fato, § do CI, nós nunca falamos sobre isso, como a metodologia pode ser colocada em prática nos diferentes “dispositivos”, que são tecnológicos e humanos , eu concordo que o elemento principal é o “peopleware”. Você pode trabalhar, O que fazer para facilitar espaços on-line, protocolos?, Tudo isso pode ser experimentado - Minha sugestão é que você leve em conta os experimentos com ferramentas existentes que já usamos, e vale a pena levá-los em cceunto para orientação do projeto

    • veja Experiência acumulada em intercomunicações http://openfsm.net/projects/irsd/irsdindex/#experiences entre participantes e desenvolvimento de dispositivos com uso contra-hegemônico de redes sociais corporativas
    • Nota Pierre: Ainda não houve discussão no grupo CI-RSD sobre as mesmas “noções conceituais ” na proposta do RSD com a equipe técnica. Essa discussão pode ser feita a partir de experiências atuais em sites de eventos, que estão estimulando reflexão metodológica Veja o espaço RDS em openfsm http://openfsm.net/projects/irsd/irsdindex onde há algumas entradas e será enriquecido em relação à experiência mexicana na camada 1 e em estratégias para estimular “como comunicar o fórum” e "Comunique sobre a participação de participante" do espaço de foro )

    globe-logo.png P56

    @ P56 / Rita 55mn No último CI do México, § comentou que não era interessante fazer o que já existe. "Não mais do mesmo ." Pierre, Você está entrando em uma discussão mais ampla de uma rede de fóruns, § você está entrando na discussão da estratégia de comunicação de todo o processo . O que fazemos com o fato de que a maioria das pessoas que participam do fórum usam o WhatsApp e o Facebook, o Twitter. Não devemos dizer "não os use!" Devemos saber o que dizer a essas pessoas no Brasil o que fazer. Existem grupos que saem do Telegram e do wsp porque existem outras ferramentas para se protegerem. Muitas pessoas estão se juntando a outras redes.

    Faça um plano de rede social, uma ideia que integre as orientações políticas do CI . Quem pode criar outro módulo? Como vamos administrar isso? Relacionamento com empreendedores. § As redes sociais corporativas podem ser um espaço para propagação, mobilização e disputa.Eles não podem estar dentro dos espaços de comunicação do FSM . O que uma rede protegida que o Google Analytics tem todos os dados.Discussão que o fórum não faz: Como lidar com o corporativo é um debate muito importante . Estamos falando da comunicação FSM do fórum;para o fórum, dentro do FSM.

    A questão da Índia, as pessoas da Fundação do Software Livre já estão levantando suas mãos "estamos aqui". O pré-projeto é apresentado ao CI. O grupo diz que algumas coisas podem ser baixadas. O que é possível fazer no modo compartilhado? Algumas coisas podem ser resolvidas eventualmente - Sem o projeto, não é possível avaliar o que é possível fazer de maneira compartilhada. A melhor ideia é que as propostas virão que a rede social terá outras conexões, estas podem ser desenvolvidas por outros grupos, e se vamos nos conectar ou não, é uma decisão política. § Se colocarmos neste pacote tudo o que precisamos, conferência online, pagamento, colocamos neste pacote, faremos um portal e não uma Rede Social de Debates . Ele está falando, eu sempre defendo o nome da rede social do debate -% Pierre: os tecnólogos também querem esse nome?

    Mauri 1h01mn seguimos em frente

    globe-logo.png P57

    @ P57 / Vittorio 1h02mn O projeto apresentado é muito interessante, ligado ao que Pierre aponta. Entrarei em contato com um italiano que é especialista em proteção de rede, o sistema . Notícias falsas robôs etc. Inclua também o grupo Focuspuller que possui a memória de vídeo do fórum. Outra coisa, esse esforço custa. Se fizermos esse esforço que custa, na realidade de hoje temos que carregar o nome FSM. Meu nome é Vittorio- Eu não sou chamado "aquele que estava em Gênova". Você deve falar do FSM, não perder essa identidade. A rede e a plataforma do FSM.O que é essa rede social é diferente do FSM? O nome deve ser um logotipo mundial -% Pierre: para responder a Vittorio dizendo "FSM Social Network Debates", não "FSM Platform" -% Vittoro: Você concorda que o importante é ter o logo FSM? -% Pierre: § Você pode chamar FSM não tem problema em chamá-lo assim, porque é uma ferramenta comum, não é um conteúdo político .

    globe-logo.png P58

    @ P58 / Chandan, 1h04mn temos que pensar de forma muito ampla, tomar os movimentos que trabalham esses movimentos. Eu conheço um grupo chamado tecnologia para mudança na Índia ”TI para mudança”. Eu não uso a Microsoft. Nós somos parte do movimento do Software Livre .Envolva as pessoas no FSM para fazer parte. Eles podem nos ajudar a trabalhar neste ponto, espaços de educação política, desafiar as plataformas do sistema. Instale esta rede. Este grupo já luta por direitos políticos em desafiar o capitalismo digital da Microsoft Uber. § Vamos incluir essas pessoas para o projeto, elas ajudarão e podem fazer por pouco dinheiro .

    globe-logo.png P59

    @ P59 / Janneth 1h07mn - a proposta poderia mapear um pouco de redes alternativas como uma possibilidade de fontes que podem ser ligadas, contribuir, aprender com boas práticas para mapear o que existe -% Mauri: § ou coisas que ficaram ou falharam . -% Janneth Map essas coisas também devem ser propostas § como fazer isso apropriado . Muitas vezes há duas pessoas que colocam as coisas e o resto diz "está tudo bem" e nada mais, que há movimento.

    globe-logo.png P60

    @ P60 / Rita 1h08mn. Paco de focuspuller faz parte da conversa. § A ideia não é substituir, mas melhorar para fazer a memória de todos os vídeos, por isso é necessário falar com o Paco como será, também na execução do projeto, que o dinheiro é necessário para modernizar o site wsftv.net . (Vittorio -Paco, disse que te liga amanhã vai falar com a Rita). § A ideia é que a rede social de debate possa estar no site do México, com uma janela para conectar. Mas não sufoque o projeto do FSM no México, pelo contrário. Tendo na interface pública, uma coisa marcou o apelo ao FSM no México para capacitar o que existe.

    Muitos movimentos há experiência Quando pensam que o FSM tem uma história, imaginário o fórum tem história tem os temas, tem ramificações, § é diferente pensar numa rede que tenha essa identidade FSM . Quem já participou quer fazer parte da conexão. Debates históricos também devem estar presentes, mas sem obscurecer os espaços de cada processo

    Sobre o mapeamento começamos a conversar no Brasil com os da tecnologia, existem outras reuniões mais internacionais. Estamos conversando com muitos movimentos: o artigo 19, esse processo permanente. Michel do Canadá que também está com a APC está consultando outras redes, está fazendo a consulta até agora o que existe. § Poderíamos fazer parte de uma rede que existe e então não é mais fsm, o que nos daria um espaço (% Pierre: A que preço político será obtida a prata para este projeto RSD? - “O IC” não vai dar dinheiro, e aqueles que vão dar dinheiro vão aceitar que o CI tem responsabilidade política efetiva sobre as funcionalidades do RSD? )

    globe-logo.png P61 P62

    @ P61 / Armando: justifique uma arquitetura de rede, uma rede de saúde. § Você terá um problema de desempenho. Se você adicionar colapsos de funcionalidades . Muitos servidores entram em colapso. O problema de uma rede deste tamanho não é apenas qualquer rede. Há uma memória cumulativa que deve ser armazenada em backup e não pode estar em um servidor, mas em vários com backup. Isso implica ter proteção, inteligência artificial.

    @ P62 / Mauri 1h14mn rede § ABONG de 90 países desenvolveu um aplicativo fechado para reuniões que faz tradução automática de áudio e funciona bem , mas está fechado. A tecnologia existe e pode ser replicada.

    Como roteiro , acho que há muitas contribuições que ajustam o projeto: o nome, o relacionamento com os aplicativos corporativos, a integralidade, as várias ideias, com foco nos debates que são uma Rede Social de Debates do FSM. § Mantenho a ideia de que incorporamos os primeiros 15 mil euros no projeto para falar com a PPM da Abong . Nós não temos dificuldades. A ideia inicial é um projeto acordado entre o Brasil e o Marrocos para apoio ao Secretariado da CI. § Nossa idéia era conversarmos juntos, mas o PPM não gosta de dialogar com vários países juntos, depois uma coisa do México, outra separa-se. O orçamento é o mesmo. Lembre-se que uma proposta não compete com as outras

    globe-logo.png P63

    @ P63 / Rita1h16mn: Você poderia falar com o PPM para começar o trabalho, porque o tempo do Conselho é um, e o tempo do PPM para decidir é outro. Talvez um compromisso para começar a trabalhar imediatamente. -% Chandan “Pão para o mundo” ah ok Formular -% Pierre: vamos escrever uma rota escrita

    globe-logo.png T6

    B / T6 PONTO 6 como segue Processo PFSM XIV B-T6 1h27mn T6- Programação de preparação FSM XIV - Retornar ao plano

    globe-logo.png P64 P65

    @ P64 / Mauri recomendação sobre § Como o processo continua 6 e 7 são a mesma idéia não -% Rosa está em processo de construção -% Armando Tiburcio tem sua memória? -% Pierre será mais maduro em Ci marrocco @ P65 / Rita 1h 17mn - Propor ao México, criar no site do FSM 2018, uma chamada “rumo ao FSM no México”. Para fazer o processo - % Mauri Ainda estamos em processo de diálogo sobre o México. A que horas foi definido que o México Va ? Nós não ganhamos nada para perturbar o processo . Há um acordo que coletivamente no México estabelece as condições e há um comprometimento coletivo. Há uma sugestão de Armando de que a validação seja pela web - Pierre: caso Marrocos falhe

    globe-logo.png P66

    @ P66 / Armando 1h20mn havia 4 propostas apenas um avanço do México, preparar um documento formal pré-projeto- arquivo "aqui estão as condições", para chegar ao CI , e nos dar uma resposta. Para que isso é importante?: 1 / A comissão local do México começa a trabalhar com maior certeza. Há apenas uma proposta para fazer a consulta on-line para aprovar o México - antes do Marrocos - no final, o PPM perderá um mês -2 / para nós também em nossos contatos, já que o México é claro. § Parece que há tempo mas não tanto: todo mês que passa é tempo perdido como é em janeiro de 2021 este § tem que entrar no orçamento 2020, e temos que apresentar antes de setembro de outubro de 2019 , ou seja, você já está morto - Rita: Armando § roteamento que o grupo nós preparamos uma nota de consulta - arquivo - Isto tem que ser neste mês de julho e fim em agosto, e olhe cuidadosamente para datas de financiamento -% Mauri - isto é um “considerando”: considerando redes de financiamento isto caso - e a própria agenda da CI Marrocos mudaria sua função , ja estamos no processo de condução do fórum, os pontos da reunião do CI serão de maior qualidade.

    globe-logo.png P67

    @ P67 / Armando: O ponto das Nações Unidas no México pode ser colocado na agenda. Quando eles definem sua agenda, fica mais fácil para eles apoiar a chegada de pessoas. Bachelet planejou vir ao FSMSSS em Bogotá. No final, não porque muitas tensões no caso da Venezuela . § Mais cedo, mais chances de ter interesse de organizações internacionais. Tenho certeza de que há mais espaços onde eles estão interessados ​​e que eles apóiam as pessoas em uma viagem. Ele faz parte de ser um jogador internacional: quanto mais cedo decidirmos mais, -% Piero 1h24mn explicando a Chadam. Como decidimos que será fsm no México, vamos circular e, então, temos a possibilidade de chegar a tempo de solicitar as fundações que entrarão no próximo ano. O orçamento precisará desse dinheiro no próximo ano. ONU, uma vez que consideramos convidar pessoas para a ONU para estar presente, precisaríamos de tempo para isso. processo oficial, assim que pudermos decidir -% Chandan - podemos - convidar a OIT, como Vittorio sugeriu para fazer algumas contrapartes que presidem o sistema da ONU . Eles podem nos ajudar.

    globe-logo.png P68 P69

    P68 / Mauri Sobre o Calendário: hora do México apresentar a proposta. Enviar comunicação ao CI em julho (13) e com prazo final em agosto (20).Que a aprovação do CI seja por meio eletrônico. -% Janneth com prazo para o CI responder -% Mauri dá um prazo de 20 dias -% Rosa A reunião no México é 13 de julho - Mauri: prazo final de 15 de agosto - começa a preparar documento do dossiê - final de 21 de julho .

    P69 / Mauri: § No calendário, temos a plenária do CI BR no dia 21 de agosto em Salvador , é importante conectar. Um seminário (substituindo o planejado fórum do nordeste P78) até 20 de agosto -% Armando: faça comunicação da secretaria - % Mauri: 1h28mn esta comunicação é enviada para toda CI - “estamos prontos queremos o fórum que queremos aprovação considerando que outubro é para financiamento etc. ”- a aprovação está online, mas a CI joga em outubro.

    globe-logo.png P70 P71

    P70 Pierre: § Eu colocaria no calendário uma data agora é o começo dos espaços temáticos de participação - comece agora se você quiser entrar como Rita . % Mauri 1 de setembro -% Pierre: por que esperar, está indo para o que? O povo do México tem que ficar de pé e esperar pelo dia 15 de agosto? - Rosa: vai andar. As internacionais também podem vir e ninguém pode impedi-lo de vir. -% h30mn Mauri: Este momento está aberto para uma proposta, a partir de 1 de setembro somos oficiais -% Pierre: as pessoas podem entrar informalmente desde julho, podem ser incluídas

    http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-participations

    P71 Chandan: § O governo mexicano concordará ? Deve ser totalmente embarcado - Montreal foi um desastre - Pierre: A questão dos vistos não é simples no México - Rosa: Em princípio, se estamos em diálogo para facilitar os vistos.

    globe-logo.png P72 P73

    P72 Mauri: 1h31mn Depois de outubro temos duas datas que podemos combinar de 21 a 25 de janeiro de 2020 em Porto Alegre, no FSM das Resistências, podemos completar uma etapa do processo, não precisa de todo o fórum, mas isso é um momento de acumulação -% Pierre: Também o fórum da saúde, o Encontro do CI em outubro no Marrocos, e a Saúde do FSM entre 10 e 20 de outubro. São duas coisas diferentes, elas podem ser mencionadas no calendário -.% Rita: duas coisas diferentes% Rosa - nós já adicionamos -% Pierre: Depois há FSM pan-amazônico, 21 a 25 de março na Colômbia em março, FSM Transforming Economies, Maio de 2020 em Barcelona. -% Mauri: § Eu acho que nesses outros fóruns não tememos muita incidência ou nós? -% Rosa: Você tem que procurar, construir . -% Pierre: Jason está em Barcelona, ​​eu fui para Barcelona, o contato é construído .-% Rosa 1h31mn: Eu sei sobre economias o mais internacional Fórum de Barcelona. O fórum pan-amazônico mais fechado -% Rita: § abre o calendário para as pessoas definirem sua agenda .

    P 73 / Chamdam: Uma pergunta, podem ser feitos fóruns sociais temáticos preparatórios para o México? Pierre: Para um fórum social temático, não é necessária permissão do CI. Você só tem que respeitar a carta de princípios- Chamdam Então § também considerar um fórum de proteção social na Ásia - Armando: vamos planejar isso - março ou abril de 2020 . - %% Pierre: FSM Asia para 2020, com data a ser definida

    globe-logo.png P74

    P74 / Mauri 1h33mn: sugerir qual é o fórum do Barcelona em maio ( foi adiado para junho )? Então eu queria propor que no México houvesse umSeminário de Metodologia e Programação no México, o prazo dos eixos em maio - teria que ser em junho de 2020, onde seria a hora de refinar .Chamdam: quem organiza este fórum da economia ¿- %% Pierre: organizações e economia solidária do comércio justo que também tentam ser reforçadas com economia feminista comum e agroecologia

     
    globe-logo.png
     P75

    P75 / Armando: Outra coisa: § se quisermos alguns personagens, devemos convidá-los Convite para personalidades internacionais (definir quem convida e quando - maio de 2020) - Mauri 1h33Mn: Papa Francisco pode ser convidado. No fórum brasileiro, houve uma representação do Vaticano. - Pierre em migrações FSM havia uma pessoa do dicastério migrante e uma mensagem de vídeo do Papa na introdução. Janneth Fanny: Uma coisa é Francisco, outra coisa é uma delegação do Vaticano. Nós não queremos papai!

    globe-logo.png P76 P77

    P76 / Vitorio 1h36mn § talvez alguns dias antes do fórum houvesse um forte impacto que uma delegação do CI, então, não apenas os mexicanos tomassem iniciativa junto aos EUA e seria uma iniciativa forte, e, por ocasião dessa iniciativa, o papa poderia receber uma mensagem do Papa. sobre o tema da imigração, onde ele trabalhou duro. Uma semana antes do fórum uma parte do conselho, sobre o tema da imigração no seria um impacto para enviar mensagem.

    P77 / Pierre: § aqui sempre com o comentário de que não há acordo no CI para fazer delegações “IC”: Se existem organizações de IC que querem fazê-lo em seus nomes, faça-o . É uma nuance -% Armando: esse CI é um motim! -% vários sim! -% vários Noooooo! ... Vitorio viu que o papa e o cardeal Tucson, que está encarregado dos movimentos sociais na parede do México, falaram muito claramente: - Acho que é mais fácil pedir uma mensagem. § Não é um problema se é uma delegação de CI ou não é um problema que resolvemos. Como iniciativa, pode ser muito forte -%Mauri: o fórum pan-amazônico de março na Colômbia -% Rita; acordo que mesmo que não seja da CI, nós tivemos uma missão na primavera árabe e palestina e que foi proposto na CI e vários assinados -% Pierre - não é um problema, mas não é da CI. -% Mauri - § O CI não existe politicamente, não pode falar, não pode se posicionar, só pode aprovar o fórum .

    globe-logo.png P78

    P78 / Pierre: talvez possamos mencionar um fórum social na Ásia em 2020, a Ásia é importante -% Armando: África § Hamouda está falando sobre o Mali .- Pierre: Eu não sei, não vou contar -% Mauri: fórum antinuclear -% Pierre já passou foi no início de julho -% Rosa: em Salvador da Bahia? - Mauri 1h40mn: não é um fórum (seminário internacional com países que têm governos como Bolsonaro - agora não temos -% Pierre: para entender ontem com Rita e Tiburcio § falamos sobre um possível fórum do Nordeste que não seja este seminário de Salvador . Conversa pensando que poderia haver um fórum Agora não mais? -% Mauri: § não haverá -% Rosa: então o calendário está pronto

    globe-logo.png

    Calendário de co-responsabilidade do T6 CI coletivo (atualizado) - cronograma Voltar para PLANEAR

    • Processo de inicialização informal FSM XIV
    • Arquivo enviado para lista de ICs propondo aceitação on-line ou em Marrocos (data de orientação http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-taller-10y11agosto19/#fechafsmXIV Outubro de 2020 na oficina de agosto não corresponde à hipótese de reunião de 6 de maio e Bogotá)
    • Inclusão formal de start-up no processo FSM XIV com eixos de processo (após aceitação do IC)
    • Encontro IC Marrocos em 20 de outubro (a ser confirmado) ou reunião on-line de busca se não for feito
    • Reuniões apresentações de feedings retro por ocasião de fóruns temáticos e nações (FSMSSS Mediterrâneo - FST Porto Alegre - FOSPA Mocoa - FSMSSS Ásia - FSMET Barcelona e outros
    • Consulta sobre o evento macro machados
    • Seminário metodológico e CI México após junho de 2020 para finalizar os macro eixos e refinar a metodologia e a preparação do evento (a ser depois do fórum de Barcelona em junho de 2020) - Isso não é mais possível com uma data de evento do FSM XIV em outubro)

    globe-logo.png P79

    B / T7 1h42 T7 Macroprogramação Retornar ao plano

    P79 / Mauri: o seminário metodológico de junho é o momento de definir -% Pierre § que também poderia ser uma reunião do CI -% Mauri: deve ser § a tarefa do CI é organizar o evento fsm

    $ Por ocasião da Oficina de agosto, há insumos informativos sobre as noções de macroprogramação e macroplanejamento http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-insumo58

    globe-logo.png

    Logística T8 1h43mn B / T8. Retornar ao plano

    globe-logo.png P80

    P80 / Rosa: Você poderia dizer que são negociações com o governo federal que estamos solicitando vistos e infra-estrutura de apoio que pessoas de longe podem trazer - Mauri: § Quais são as limitações de visto para o México? O mesmo que os EUA? -% Rosa: Depende. Mudanças na política do governo. Eu tive que negociar Cuba Equador Salvador Haiti carta de convite de visto no original, declaração de organização que convida com uma quantidade -% Chamdan: África e Ásia muito difícil -% Rosa: vamos investigar - § Preocupação com a obtenção de vistos. Investigue as condições e negocie sua obtenção . -% Pierre: Isso envolveria o monitoramento caso a caso muito a sério e com a capacidade de influenciar o processo do governo em si , em Montreal eles tratavam administrativamente https://fsm2016.org/en/participer/soutien-visa/ com o governo, e não Alguém disse “essas pessoas já fizeram a inscrição há três semanas e nada acontece?” Para monitorar: “por que tanto tempo?” Proativa no gerenciamento de vistos? Eles deixaram a coisa solta. Curiosamente, eles receberam uma negação de visto alguns dias antes de viajarem e perderam o vôo. -% Chamdam: o único país onde você pode facilmente fazer um fórum social mundial é o Nepal com o governo maoísta - § todos os voos da África e da Ásia para o México passam pelos EUA e precisam de visto de trânsito -% Mauri: conexão Costa Rica? 173 /

    % Rosa: § Eu queria compartilhar a experiência que tivemos recentemente com um colega de Cuba que nós delegamos ao Nepal e tivemos que passar pela US France Spain à primeira vista. Tivemos 4 dias para conseguir o ingresso. Eu estou procurando um vôo de Cuba passando por países do sul. Conseguimos enviá-lo de Cuba para a Itália, onde ele deixou o aeroporto com uma mala de 10 quilos e foi para Dakar, de lá para o Nepal. O bilhete foi barato com 39 horas de viagem matadora. Nós não tivemos que esperar três meses por um visto! -% Janneth § Isso funciona talvez para 10 pessoas e para mais ? … -% Chamdan - visto para Shenghen A Europa e os EUA dificilmente têm este visto -% Rosa: devemos ver isso diretamente com a SRE para nos autorizar

    globe-logo.png P81 P82

    P81 / Mauri § Construir o Fundo de Solidariedade: (para Mobilidade de pessoas do México ). Salvador 100.000 euros para mobilização nacional do Brasil 30.000 indígenas, quilombolas, basicamente pessoas brasileiras da baía e nordeste foi PPM e Misereor governo da Bahia não apoiou as caravanas e também que grupos mobilizam recursos para vir,

    P82 / § que o fórum do México tem interlocutores § Que grupos internacionais mobilizem seus delegados para vir ao México. Construa pontes de comunicação. - Devemos fazê-lo de tal maneira que os grupos internacionais mobilizem recursos para que sua delegação garanta uma contribuição para o processo, que as agências de seus países estão procurando . Uma dinâmica e alguma estrutura de apoio logístico com quem - § Uma estrutura mexicana está preocupada com a construção dessas pontes de comunicação - Rita: fundos regionais de solidariedade -% Mauri: na logística as passagens seriam obrigações dos participantes

    $ Nestes primeiros meses do processo FSM XIV Os espaços geográficos das 20 regiões podem ser facilitados por mexicanos que conhecem a região, a língua e as pessoas da comunidade participante do FSM, localizadas no CI e em fóruns nacionais ou temáticos -http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-areas-geograficas

    globe-logo.png P83

    Gerenciamento de espaço logístico.

    P83 / Mauri: Agora § Alojamento e comida muito importantes cuidam dos preços negociam lugares, caravanas, acampamento. -% Rosa: alojamentos solidários: sabemos que alguns lugares como “casas de amigos” são muito apoiadores os quakers que abrigam refugiados. Há também igrejas de hotéis -% Pierre: § se houver caravanas no México [para o evento], pessoas das caravanas terão que ser acomodadas -% Mauri: No Brasil toda a estrutura de hospedagem solidária foi para as caravanas : caravanas são grupos de pessoas que se organizam, alugam um ônibus para ir ao fórum -% Rosa: estamos pensando-% Mauri: e o acampamento de jovens está aberto a todos - Rosa: em janeiro a Cidade do México está um tanto fria e chuvosa, temos que ver . "Caravanas e acampamento."

    $ A questão climática deve ser investigada - essa fonte fornece um perfil de precipitação anual no CDMX https://es.climate-data.org/america-del-norte/mexico/distrito-federal/ciudad-de-mexico- 1093 / # gráfico climático

    globe-logo.png P84

    P84 / 1h54mn Pierre: Sempre importante é § Interpretação / tradução: procure voluntários, treine-os, que exista uma organização logística, que possa preparar esquemas de interpretação de atividades de acordo com o programa , é uma logística complexa e é um trabalho forte. -% Mauri: A tradução é muito importante e muito cara -% Rosa: Por exemplo, na Assembléia do Caribe na República Dominicana 2016 § são os mesmos companheiros dos movimentos que foram os intérpretes voluntários três línguas crioulas FR ES em multiplicidade de línguas e combinações. % Tiburcio procura aplicação de interpretação móvel? % Pierre: Experiência FSMET Abril em reunião recente Barcelona há dois grupos de língua espanhola que prestam este serviço a preços de solidariedade e eles precisam de muita antecipação -https://coati.pimienta.org/index.es.html ]

    globe-logo.png P85 P86

    P85 / Rosa: § na alimentação, temos um relacionamento com um grande grupo coletivo de promoção da economia solidária . Existem muitos grupos ESS Montar o espaço como em Porto Alegre, onde há comida a preços acessíveis para todos. Alguma coisa mais logística que esteja nos escapando?

    P86 / Mauri: Seria importante que houvesse um grupo de apoio em alguns lugares europeus, asiáticos, porque é muito importante o CI ( ------)% Rosa A coisa é encontrar um grupo de apoio em diferentes países Há uma menina A partir do Japão, voluntária do CEAAL, um ano, grupos de jovens no Japão foram muito interessantes, pois ela administrou fundos para vir ao Ceaal e contribuir . Em aliança com a Europa com a Ásia África% Armando de várias regiões para sustentar a economia -% Mauri: contato abrindo três 3 mexicanos estão procurando alguém -% Pierre: § alguns mexicanos nos espaços geográficos facilitadores teriam essa função de contato aqui as pessoas podem vir . Espaços geográficos serão abertos a partir de agora http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-areas-geograficas -% Chandam é pré-convidado pode vir como um facilitador com um Inglês falando mexicano § por exemplo, teria espaço no sul da Ásia Uma contraparte mexicana falando inglês. % chamdan § Verifiquei que todos os voos passam pelos EUA - % Pierre: os grupos de suporte podem assumir a forma de reuniões on-line em espaços geográficos.

    1h59mn Mauri retornamos CI e secretaria, mas antes um pouco nos eixos

    globe-logo.png S1.4 P87

    B / T1 MAIS SOBRE EIXOS Retornar ao plano

    P87 / Armando 2h00: uma pergunta sobre os eixos que definem a melhor forma de entrar : estaríamos interessados ?? para criar um Eixo “Justiça Social e luta pelos sistemas universais de seguridade social” - % Rita: pergunta § é o eixo antipatriarcal, anti-racista ? -% Rosa: essas mulheres e feminismos, essa outra que temos que juntar -% Pierre Vénganse preenche a forma [inclusão no processo fsm XIV] http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-participaciones . Rosa está esperando por você. -% Mauri racismo importante. % Pierre Na simulação de eixos, este algo similar que ninguém levantou no México, há uma comparação Montreal Salvador México http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-insumo33% Janneth até agora todos os eixos fit-% Mauri : movimentos que são mobilizados para o fórum, claro que garantimos que seus tópicos são para o processo -% Janneth vamos fazer um documento. Mauri pelo processo - 2h05mn% Pierre: para visualizar a lista atual de eixos - alguns em amarelo alguns iniciados com facilitadores, outros simulados

    http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-ejes-tematicos% Rosa: lendo os eixos de simulação, os amarelos já começaram a sair do México, é muito geral -% Pierre: são 17 - Direitos este muito geral -% Mauri: § para aqueles de nós que concordaram aqui [na conversa de hoje] estamos interessados ​​em ter 100 eixos, não parece que já estamos conduzindo os eixos. -% Pierre você pode criar até 20/30 eixos do processo FSM XIV (para diferenciá-los dos futuros eixos do evento) % Rosa: estas são as primeiras propostas e dão a elas nomes com mais sentidos do que parecem -% Pierre: elas são construídas “de baixo” há algumas simuladas para coletar, “ discriminação e fundamentalismo ”. Rosa pode entrar em " racismo " -% Janneth: e o "tráfico de seres humanos"? -% Pierre - a ideia não é multiplicar muitos eixos de modo que haja mais pessoas nos espaços depois, você pode particularizar um eixo a partir de um eixo inicial se houver muita demanda. No final, os eixos são “caixas”, alianças são feitas entre organizações através de reuniões, depois através de articulações de atividades e iniciativas específicas. Alianças não são feitas entre ou em “eixo ”% Armando Axis sugestão: “ Para uma cidadania global ”

    globe-logo.png E

    E / 2h06mn vamos por uma rodada - TB / CI e Secretaria de Suporte: o que vamos dizer ?

    globe-logo.png P88

    P88 / Rita § Na última IC em Salvador, foi discutida a possibilidade de um trabalho, para resolver a dinâmica da Secretaria , que tem dificuldades de todos os tipos, também a secretária não tem recursos, para torná-la mais proativa. Há um problema de apropriação do processo histórico de operação operacional e de ser mais proativo . Todos os documentos que os poderes do secretário. São as atribuições do secretário que é referência para quem precisa de informações oficiais do FSM, "quem disse que era o secretário" . Tenha este processo mais ativo.Comunicação § Todos os membros do CI têm o WhatsApp da secretária . § Hamouda faz um bom trabalho político, mas para o operacional ele precisa de ajuda .

    No Conselho Internacional em Salvador, em 18 de março, houve discussões que poderiam ser feitas como sub-secretárias ou que seriam mais descentralizadas. Mas § discutimos que é mais apropriado pensar que a secretária está lá , até que a CI pense que a do Magrebe deve ser mudada, mas § pode criar grupos de apoio para a secretaria, que não são apenas para estar no processo, mas grupos que são responsáveis ​​por atividades que o secretário precisa , § não é uma coisa voluntária, mas para ser integrado no trabalho .

    No Brasil, discutimos várias vezes, e propusemos que as pessoas que estão no CI constituam um grupo de apoio . Começamos a discutir em conjunto com Hamouda, é um suporte - que é construído, - um grupo de apoio fazendo histórias, um fórum para o IC - atividades de tradução,ele não tem um escritório no fórum, § No Brasil sempre houve um escritório do fórum, mesmo com profissionais . Não tem Quando há uma prata, vai para o fórum. A idéia é avançar nesse processo, § não pode ser um grupo voluntário , ou um grupo que quer fazer o deles na secretaria, mas sim um grupo para fazer o que a secretaria exige . Estamos naquele Brasil e começamos a trabalhar. No Canadá, Michel estava começando com hamouda -% Pierre: você tem um documento descrevendo o que um grupo de suporte faz? -% Rita: Existe uma história da CI México - Por exemplo, com memória. Hamouda não tem escritório. O Brasil começou a trabalhar no Canadá. Michel trabalhou.

    globe-logo.png P89

    P89 / 2h13mn Mauri. § Hamouda é suportado por demanda. Hamouda precisa de relatoria do CI, hamouda precisa de tradução. Etc Hair deus love, está sob demanda. -% Rita: Parece-me que provisoriamente é uma boa estrada -% Mauri : § Está dialogando com o PPM para um apoio no Brasil para apoiar o processo do FSM. Há um dinheiro para uma pessoa por 20 horas , uma idéia que é Damian, mas é profissionalizada na África. Ele é uma pessoa que tem conhecimento e tem um bom relacionamento com Hamouda. Estamos preocupados, § no Canadá Alternativa disse que terá outra pessoa por 40 horas para apoiar a Secretaria , no Canadá .-% Rita: § precisa de trabalho remunerado de uma pessoa, mas também de trabalho político voluntário. É um grupo que não suporta uma pessoa .

    globe-logo.png P90 P91

    P90 / Mauri:% no IC há um processo de validação de representações que foi concluído. Uma tarefa do secretariado seria organizar a lista e socializá-la. Abong mudou sua representação. Eu entendo que o coletivo brasileiro nomeou Damián . É necessário saber quem são para a chamada do IC de outubro.

    P91 / Pierre: 2h17mn Aqui nós falamos sobre o secretariado, mas §Se o IC , ”que é um motim“ ..-% Mauri / Armando: mas nosso tumulto, nós somos parte disso! -% Pierre: Se o CI realmente age como um facilitador do processo, para levantar um dedo, você não precisa do secretariado . O secretariado é útil para certas coisas. Para fazer outras coisas: por exemplo, o que vamos fazer sobre os fóruns temáticos , vamos fazer mais dois três como um grupo de trabalho do CI e não precisamos do secretariado. Em Porto Alegre, em 2017, sugeri que fossem formados vários grupos de trabalho de CI que não dependessem da secretaria, da qual contribuem como entidades facilitadoras. Que eles não são grupos de apoio para o secretário.

    (Desde 2012 estou realizando um calendário de eventos da FSM, se mais duas pessoas vierem, poderemos até ter mais antenas e coletar mais eventos [e socializar mais o FSM]. Pessoas que conhecem o processo, não é muito trabalho. Não pagar um aluno, é muito mais eficaz com pessoas que conhecem o processo ).

    O que vou lembrar é que, a partir de exemplos práticos, você pode discutir uma lista de tópicos (calendário, atividades) que poderiam ser abordados por grupos do CI . Quem quiser vir, mostrando que, se puder, não há necessidade de uma estrutura burocrática. Não tudo, mas algumas coisas. Sugiro propor uma lista de coisas. Por exemplo, se há pessoas que querem entrar no calendário de eventos. bem vindo Sobre fóruns temáticos acolher mais E assim, outras idéias - Muitas pessoas quando falam "CI", diz "secretaria CI" - Eu acho que está errado. ¡¡

    É necessário dar espaço aos grupos que usam a energia contributiva que está no quadro de membros do CI . Eles são de organizações, muitos dizem: "Eu sou um representante da minha organização no CI, (ou" Eu sou um membro da CI "). Estou nos aviões, muito ocupado, e não tenho tempo para fazer nada." Pode ser, mas há outras pessoas em suas organizações que podem e querem contribuir - [ o compromisso de contribuir para a facilitação do processo é de uma organização inteira, não de uma pessoa ] Não é um tabu, você pode ter um roteiro, que existe para falar no IC. Falar sobre o CI, sobre como vale a pena considerar um papel de facilitador renovado, não é o mesmo que falar sobreSecretariado da CI.

    globe-logo.png P92

    P92 / Mauri: Eu acho que nosso problema é "dinâmico". Se temos 4 grupos de trabalho de IC: metodologia, finanças, agenda, lutas, acho que uma pessoa de cada grupo deve se encontrar - em algum momento para que isso tenha uma unidade - não dependendo da reunião on-line de % Mauri como Eu tive há muito tempo o sistema "link group". -% Pierre - Esse grupo de 2008 a 2011 não fez nada -% Mauri Havia uma secretária executiva. Único executivo que o grupo político orientou. Hoje temos hamouda que é o mesmo conselheiro. -% Pierre podemos abrir a discussão -% Mauri Não vejo que exista uma estrutura ideal. Existe uma estrutura necessária. Seria importante,

    É ideal que o CI acompanhe os Fóruns Temáticos de forma organizada . Que nós. É necessário que haja uma organização e uma estratégia organizada. Que um equilíbrio seja feito em cada fórum . Entrar em fóruns - Deve haver um tipo de articulação, um relatório de gerenciamento. Crie uma acumulação, mas nada se acumula -% Pierre: isso pode ser feito -% Mauri: está perdido -% Armando - não há disciplina, porque não há organização -% Mauri: - Amanhã vou preparar balanço sobre fórum de saúde - eu acabei de . Não há processo cumulativo. Por exemplo, em outubro, deve ter um saldo -

    % Mauri, sim, mas isso não pode ser voluntário, tem que ser uma proposta com pé e cabaz -% Pierre: eu estou falando, não estou falando de decisão, eu digo que pode ser levantada na reunião do CI - a discussão sobre IC para o secretariado - "CI" e "secretariado" não estão associados, ponto final. Há outra dimensão que são os "grupos de trabalho no CI" que no momento está vazio - é uma necessidade estratégica -% Armando: temos um "grupo de trabalho da rede da plataforma RSD" é um exemplo, esta é uma tarefa, e vamos fazer um “grupo de trabalho no mapeamento de fóruns temáticos”. Mauri diz que ele não pode ficar assim, esses grupos são luas sem planetas . Algum tipo de arquivamento - Para mim, papel sério do secretário - onde é centralizado, se trabalharmos resultados - não há pressão, se você não trabalha não importa, não há nenhum tipo de preocupação, não há memória -% Mauri dinâmica para o trabalho -

    globe-logo.png P93

    P93 / Pierre: para mim a discussão não se esgota assim - o que Mauri chama de "IC dinâmica", devemos falar politicamente em uma reunião do CI - a coloca como um problema do CI ( fiz propostas elaboradas sobre isso em 2017 em Porto Alegre abaixo do parágrafo ) -% Mauri: Ok. Eu acho que uma diferença é que havia antes algumas organizações que estavam com muito tempo, além do tempo na secretaria, antes que tivessem muito tempo para o processo do fórum . A FASE DO IBASE e a Ação Educativa tinham pessoas em tempo integral além do secretário do FSM de São Paulo. Houve um grupo que o trabalho deles era o processo do fórum . Hoje não temos isso e essa decisão é política [ nas organizações ] não é financeira -

    Este é um acordo político. §Caritas internacional, tem Pierre que o fórum é seu tema principal -% Pierre Claro, sendo um voluntário . § Mesmo Hamouda não tem tempo para sua organização Alternativas para o fórum, é seu tempo livre. Acordo político entre algumas organizações para que eles tenham tempo -% Pierre: claro, algum nível de compromisso. § Na ABONG fizemos este debate em nossa assembléia. Se o processo do FSM é importante, temos que ter orçamento e não improvisar . Os fundos devem ser gerenciados nos projetos que temos.

    $ Aqui está uma lista de 17 propostas http://openfsm.net/projects/transitionci/transicionci-porto-alegre-agenda-3-groups-of-proposal-for-dinamics-of-ic/#ES na dinâmica do CI. Trechos de http://openfsm.net/projects/transitionci/transicionci-porto-alegre-agenda-input-on-dynamics-of-ic/#EStoc a apresentação feita em Porto Alegre 2017 apenas sobre a dinâmica do CI ) -

    globe-logo.png P94

    P94 / Janeth: 2h 27mn Devemos entender as lógicas - com as quais somos os mesmos REPEM - mais e mais recursos precários e altos níveis de trabalho não têm tempo para nada e pode haver vontade política, mas problema de saúde. Muitas organizações, têm problemas econômicos antes de cortes financeiros, há fadiga para a militância. § Onde fazemos esse equilíbrio ? - Além disso, trabalhamos nesse meio tempo, ficamos doentes, acabamos. § Então, não só passa por decisões políticas, mas há outras coisas que precisam ser levadas em conta . Estamos em níveis na Colômbia que não imaginam: eu deveria agora estar tirando uma mulher que pode matá-la amanhã, estamos em uma dinâmica horrível, e também acooperação financeira cada vez mais precária, pelo menos na Colômbia. Não podemos ir ao Marrocos que não temos para isso

    globe-logo.png F

    F / 2h28mn TC / proposta de preparação da Agenda marroquina no CI: Retornar ao plano

    globe-logo.png P95 P96

    P95 / Pierre: por exemplo, o simples fato de falar sobre "isto" em uma reunião do CI parece relevante para mim, porque é um tabu, nós nunca falamos [ isto = a capacidade de cada organização membro do CI de procurar seus funcionários ou voluntários energia para facilitar o processo do fórum ]. Agenda Mauri IC -% pierre § Seria bom mencionar pontos para colocar na agenda marroquina. mas quem vai ser isso - Imaginando o Marrocos com uma decisão eletrônica sobre o México , qual seria a agenda, quantos dias? em quais tópicos? Mencione pontos para colocar na agenda do IC -

    P96 / Mauri: Eu acho que 1 Mapeamento das lutas, movimentos e debate da situação das lutas e outro importante: 2 / as questões que poderiam ser de unidade, de debate político -% Pierre - de fortes alianças, da FSM Temática. % Rita a que horas? -% Mauri Qual é o papel da reunião do CI em nosso processo - 1 / Mapeamento de lutas -. 2 / Eu imaginei “Que inimigos comuns nós temos e qual é a estratégia comum ? construir para atacá-los juntos. "Qual é o tema que não se une"? Não, melhor! Quais são os inimigos que nos unem? -% Rita: -um bom tema de § pensar sobre o CI, uma maneira que as respostas a essas perguntas caem do próprio evento do fórum- ter um problema, mas…,% Pierre: Sim! Que o CI não se transforme em uma espécie de abordagem% Mauri O outro que pode ser feito combatendo a agenda de outubro de 2019 a janeiro de 2021 -

    globe-logo.png P97 P98

    P97 / Rita: também a rede social que vamos apresentar e discutir -% Mauri daqui o que fazemos Nós fazemos política de comunicação, mobilizamos prata. Combine presenças em nossos eventos , com os eventos do Sistema, como diz Vittorio. Agora poderíamos estar em Osaka, nosso encontro deve ser em Osaja% Rosa Claro! -% Mauri pode ser a COP 25 que estará no Chile.- Existe uma agenda internacional que podemos aproveitar para que (quem é “notório” o CI ou atividades de participantes locais no FSM e com participantes do CI )

    P98 / 2h31mn Pierre: por exemplo, as tarefas do CI, eu que participei de todo o CI desde 2004, a única vez em que vi um grupo de 30 pessoas no CI, penso e faço uma conferência de discussão sobre as tarefas do CI Isso foi em Casablanca 2013, e durou meia hora. Foi o único momento desde 2004 em que o CI pensou "quem somos e quais são suas tarefas" . Parece-me que outro item da agenda seria percorrer uma discussão, para reativar isso sobre as tarefas do CI.

    Rita discute o papel do IC? -% Pierre Nem o papel edl CI, mas discutir as tarefas do CI para pousar um pouco mais E a tarefa vem da pergunta "como você faz", "quem faz" aterrissar - e dar um tempo que é discussão que Nós acabamos de ter grupos sobre energia tributária, etc., Dê um pouco de “organização facilitadora”, se o CI não é apenas um lugar para fazer “análise de situação internacional”, em nome de “eu não sei quem” e para qual propósito prático .

    • Pierre Nota: Sobre a análise da situação Lembre-se CI Porto Alegre 2017: um documento trazido do Canadá, que não recebeu consenso porque a diversidade política no CI é muito grande. Pode ser limitado a uma dicção com entradas. Porém, falta tempo nessas reuniões, a principal missão do CI é “facilitar o processo”, fazer “tarefas”, não é produzir análises que vários grupos de organizações também podem produzir em suas atividades o processo de fsm.

    globe-logo.png P99

    P99 / Rosa 2h33mn: Eu acho que § outro item da agenda é como nós fortalecemos a secretaria , como reunimos esses grupos nesses diferentes espaços mundiais, e os colocamos em prática. Porque eu me lembro de Salvador, acho que foi muito solto, não sei se pela mesma dinâmica dissemos “precisamos criar uma equipe de suporte financeiro que vamos conhecer em maio de 2018”. E isso não aconteceu. Então, como não se soltar? Como apoiar o Hamouda? Ultimamente eu me reconheço como um perseguidor do secretariado IC . Eu fiz isso porque nós estávamos aqui como loucos no México organizando o fórum, e ninguém responde, vamos chamá-lo, e foram boas respostas havia 22 pessoas em reunião virtual, http://openfsm.net/projects/pfsm20/pfsm20-reunion-enlinea- ci-6mayo2019 mas eu implico uma perseguição - acho que somos co-responsáveis ​​Do que fazemos parte para dizer “hamouda que está faltando?” . Hamouda enviou uma mensagem assinada "Hamouda e Rosy", porque ele apertou. Tem a ver com essa proatividade. Queremos que esse espaço (CI e FSM) seja importante para o mundo, e temos que espalhar essa preocupação , para que isso não caia, nos dê vida, porque nos fortalece.

    globe-logo.png P100 P101 P102

    P100 / Pierre: 2h34mn Ter um parágrafo é a sugestão de que no próximo IC time é reservado para “Tasks and who it it”. Porque a análise da situação muito bem, mas, se depois nada ...

    P101 / Rita: Vittorio propõe que eles pensem sobre uma missão Quem no CI irá participar Quem irá organizá-lo? o IC concorda? Sim! Quem organiza levanta a mão ¿-% Rosa 2h35mn: na ceaal, recentemente discutimos " pense sobre Geografia, tempos, territórios s". Isso implica em quem está nesse espaço que pode estar perto da parede, quem do IC pode ir, sem se desgastar, porque também não é possível como podemos nos deslocar -

    P102 / Rita para ir ao muro tem que ter um visto: (risos% Chamdan Traduza por favor-% Pierre Traduzindo para chamdan: como eles aterrorizam em tarefas concretas entre entidades membros da CI e não são deixados em abstração, -Neste caso ele disse o exemplo de Vittorio que poderia haver um grupo querendo fazer uma ação midiática visível em seu nome na parede dos EUA, México, e para isso ele precisa de um visto -

    globe-logo.png P103

    P103 / 2h361mn Armando: Não se esqueça do mapeamento dos fóruns temáticos -% Pierre E também quais são as tarefas Como as entidades membros da CI podem contribuir para estas tarefas Especificamente Se abong diz “temos um povo e afetamos tais tarefas aos grupos de trabalho -% Mauri: § Se até mesmo [ contribuir] seria uma condição para estar no CI por algum tempo Não é tarefa representativa% Pierre Claro! Não pode ser repressivo. -% Mauri. É melhor ter um IC de 20 pessoas que trabalham do que 120 que não -% Pierre: Por este motivo, a reunião em Marrocos é importante que tenhamos como CI - e não se misturar com diálogos com convidados que me lembro Monastir 2012, você não pode Para não fazer nada, havia muita gente que não tinha ideia do que é o fórum, rolo não pode fazer nada e eles conversavam e não havia tempo para o IC - as pessoas viajaram, dizem que mil crianças pagaram aviões e nada -% Rosa: que as propostas são realistas, com responsabilidade e corresponsabilidade % Mauri outra coisa? -% Rita: vamos propor reuniões da CI com apenas 10 pessoas, somos uma tarefa (risos) -% Rosa: Eu acho que tem todos os pontos.

    globe-logo.png Final F

    Agenda Tópicos propostos para CI Marrocos (fim de ser finalizado) Voltar para PLAN

    (de acordo com as discussões on-line até à data reunião do CI)

    1. Data de discussão antecipada FSM XIV (outubro de 2020 ou janeiro de 2021) -
    2. Processo de progresso Arquivo de apresentação do México FSM XIV (versão de outubro e versão de janeiro)
    3. Mapeamento avançado de fóruns temáticos sua relação com o IC e FSM XIV
    4. Mapeamento antecipado de lutas / movimentos e sua relação com o processo FSM XIV
    5. Lutas do Marrocos ao México 2021 - Tópicos de possíveis ataques conjuntos?
    6. Consolidar o cronograma coletivo do FSM com um IC no México em 2020. Tarefas de entidades membros do CI nesse processo
    7. Atualização da lista de tarefas genéricas CI de Casablanca.
    8. Que entidades membros da energia você pode encontrar em sua associação para contribuir com essas tarefas, por meio de grupos de trabalho de IC ou de outra forma? Como esses grupos se relacionam a um IC dinâmico, incluindo a secretaria?
    9. Avanços dos Grupos de Apoio ao Secretariado da CI
    10. Tarefas de CI para facilitar o processo do FSM em um contexto pré-FSM XIV - tarefas que e com quem o Secretariado e seus grupos de apoio
    11. Apresentação do Projeto Executivo da Rede Social de Debates e Discussão com o grupo GT RSD do CI

     

    globe-logo.png P104

    104 // 2h37mn Rita: compartilha o encerramento da Relatoria do FSM de Salvador Bahía . Isso é muito esquemático, um pouco de história. Para que eles saibam como foi o processo, como tentamos organizar a forma como superamos as dificuldades, aprendemos com o processo . É um relatório mais longo e qualitativo para quem quer entrar. -% rosa: Em uma reunião de metodologia, eu disse a Sheila que o Ceaal poderia traduzi-lo para o espanhol voluntariamente para pesquisar e dividir. -% Rita: Estamos terminando a Relatoria do FSM Salvador que é da história - Precisamos traduzir - ser voluntário em francês - precisamos de tradução para o inglês; porque é um livro, alguém que eu conheço -% Pierre: As pessoas de Montreal fizeram algo de 80 páginas em espanhol francês @ -% Rita é um pouco mais esquemática, muito boa, eu gosto muito, extrai as coisas principais . Nós brasileiros contamos história, dramatizando um pouco, então é diferente, é uma contribuição diferente

    globe-logo.png P105

    105 / 2h41mn Mauri: terminamos? Bem, são 5 horas. Rosa: Bem, estamos terminando, certo? Aplausos Graças a Rosa, que é multifacetada, ela faz anotações e vídeos, e coloca o vídeo no final - J